Acesso consultório Cadastre grátis seu consultório

Talassofobia: você sabe o que é?

<strong>Artigo revisado</strong> pelo

Artigo revisado pelo Comitê de MundoPsicologos

​O verão é esperado por muitos, para aproveitar as férias na praia. Ao pensar num plano assim, o normal seria ficar com inveja. Porém, há pessoas que simplesmente sentem pavor. Veja por quê.

18 JAN 2018 · Leitura: min.
Talassofobia: você sabe o que é?

O verão costuma ser a estação do ano queridinha para a maioria das pessoas. Aqueles que amam o calor, as férias, sempre costumam ter planos de pegar a estrada rumo à praia, para tomar um belo banho de mar, ou então, com bastante antecedência, começam a fazer o planejamento de um cruzeiro.

Mas, sabia que há pessoas que sentem pavor só de se imaginar entrando no mar? Tamanho rechaço tem nome. Estamos falando da talassofobia: uma fobia específica de medo do mar e do oceano. Quem explica melhor o transtorno é a psicóloga Maitê Hammoud.

Quais as causas da talassofobia?

A fobia, seja específica ou não, é sempre considerada um transtorno de ansiedade. O que pode motivar a manifestação e desenvolvimento dos sintomas no talassofóbico varia de pessoa a pessoa, mas costuma estar relacionado à exposição de eventos traumáticos (reais ou não), como: afogamento, acidente marítimo, livros, filmes ou notícias de tragédias em alto mar.

É esse tipo de memória que leva o talassofóbico a associar o mar com seus temores mais intensos de vulnerabilidade e temor de morte. Quem sofre esse tipo de fobia, frequentemente sente medo intenso em relação à água salgada, às ondas, à distância que está da terra firme, e até mesmo da vida marinha, representada por peixes, tubarões, polvos, entre outros.

Os sintomas da talassofobia

Diante da possibilidade de estar exposto/próximo ao mar ou oceano, seja fisicamente ou através de imagens e vídeos, a pessoa com talassofobia costuma manifestar sintomas clássicos de um quadro de ansiedade:

  • tremores
  • taquicardia
  • dormência
  • pensamentos catastróficos intrusivos
  • medo
  • tontura
  • fuga
  • desconforto gastrointestinal, entre outros.

shutterstock-318042341.jpg

A origem da palavra talassofobia vem do grego "thalassa", que significa mar ou oceano, enquanto "phobos" significa medo e temor. Esta fobia não deve ser confundida com aquafobia, que é a fobia de todas as variações de água, nem com hidrofobia, que é o medo de água tão intenso que pode levar a pessoa ter aversão até mesmo de beber líquidos, temendo asfixia.

Tratando a talassofobia

Por se tratar de um transtorno de ansiedade, o tratamento indicado é multidisciplinar, com acompanhamento psiquiátrico e psicológico. O suporte medicamentoso auxiliará no controle da manifestação de sintomas físicos de ansiedade diante a exposição do objeto temido, e o processo de psicoterapia permitirá identificar a natureza dos medos e viabilizar sua superação, reduzindo prejuízos sociais, emocionais e até mesmo físicos que o transtorno pode causar.

Leia mais: Quais as diferenças entre medo e fobia?

Leia mais: Pistantrofobia: você sabe o que é?

Leia mais: Fobia social: quando a timidez passou dos limites

Fotos: por MundoPsicologos.com

Escrito por

Maitê Hammoud

Psicóloga Número do CRP: 06/112988

Psicóloga clínica com curso de aperfeiçoamento em psicanálise, é especialista no atendimento de adolescentes, adultos e terceira idade. Seguindo a abordagem psicanalítica e da terapia breve, atua com foco em transtornos emocionais e comportamentais, relacionamentos interpessoais e questões familiares.

Ver perfil
Deixe seu comentário
1 Comentários
  • Cris costa

    E como saber se vc tem? Eu amo praia e mar mas algumas situações me da O receio. Eu achava normal.. E Aí?

últimos artigos sobre fobia