Acesso consultório Cadastre grátis seu consultório

Perguntas Luto

Inúmeros de psicólogos respondem às suas perguntas sobre Luto, de forma totalmente gratuita. Comente sua situação com eles e receba orientação, apoio e conselho. Sente que precisa esclarecer alguma dúvida? A sessão de Perguntas está sempre de portas abertas para você.

Ver descrição

Explique o seu caso de Luto a nossos psicólogos

Publique a sua pergunta de forma anônima e receba orientação psicológica em 48h.

50 Você precisa escrever mais caracteres

Sua pergunta e as respectivas respostas serão publicadas no site. Este serviço é gratuito e não substitui uma sessão de terapia.

Enviaremos a sua pergunta a especialistas no tema, que se oferecerão para acompanhar o seu caso pessoalmente.

A sessão de terapia não é grátis e o preço estará sujeito às tarifas do profissional.

A sessão de terapia não é grátis e o preço estará sujeito às tarifas do profissional.

Coloque um apelido para manter o seu anonimato

Sua pergunta está sendo revisada

Te avisaremos por e-mail quando for publicada

Esta pergunta já existe

Por favor, use o buscador para conferir as respostas

Psicólogos 10500

Psicólogos

perguntas 7250

perguntas

respostas 28850

respostas

Como funciona a seção de Perguntas?

1

Você explica a sua dúvida.

2

Nós revisamos a sua pergunta.

3

Os psicólogos respondem em 48h.

Últimas perguntas

20 JAN 2020

Eu não entendo o que está acontecendo comigo. De repente eu odeio meus pais. Odeio meu...

De repente eu odeio meus pais. Odeio meu namorado, tenho raiva do meu filho e das minhas irmãs. Tenho raiva de mim mesma por estar a um mês sem conseguir trabalhar direito e tocar os meus projetos. Nã... Ver pergunta

A melhor resposta

Oi Kalu Precisa agora, manter calma e não agir de acordo com os pensamentos. Refugie-se para dentro de ti mesma, acalme teu coração, respire fundo... tudo isso vai passar. Converse com teu filho, diga...

Geime Rozanski Psicólogo em Brasília (Distrito Federal)
12 JAN 2020

Não consigo aceitar a morte de meu pai. Tenho 21 anos e já faz 1 ano que perdi meu pai. Nã...

Tenho 21 anos e já faz 1 ano que perdi meu pai. Não foi uma morte natural. Meu pai foi assassinado por bandidos em um Bar em um dia de folga... A morte de meu pai deixou um grande vazio em mim. Eu e... Ver pergunta

A melhor resposta

Olá! Perder alguém que se ama é sempre uma dor imensa que parece que nunca vai se resolver. Entendo a sua dor, pois foi causada repentinamente, de forma trágica, por um fator externo. É natural que v...

Regiane B. Simões Cruz Psicólogo em Manaus (Amazonas)
6 JAN 2020

Perdi o amor da minha vida!. Perdi o amor da minha vida que era minha vó! Vivi intensamen...

Perdi o amor da minha vida que era minha vó! Vivi intensamente por ela, fiz tudo que eu pude pra cuidar dela! Toda vez que ela ficava doente eu morria de chorar pensando na sua partida. Chegou infeli... Ver pergunta

A melhor resposta

Olá Érica, ... Sim, pode ser sim que você vivenciou, compartilhou, aproveitou a companhia da tua vó e aceitou a partida dela de forma natural, porque dentro de ti não tem nenhum sentimento de falha, d...

Geime Rozanski Psicólogo em Brasília (Distrito Federal)
Ver todas as respostas
Ver todas as perguntas

Perguntas Top

#2

Como lidar com a morte da minha mãe?. Olá! Tenho enfrentado problemas em superar a morte...

Olá! Tenho enfrentado problemas em superar a morte de minha mãe. O que devo fazer?

A melhor resposta

Olá! Segundo seu relato, é compreensível o seu sofrimento emocional. Lidar com o luto ou a morte de um ente querido, é bastante difícil. Mas não é um processo que pode se determinar tempo para superaç...

Jessica Moreira Carvalho Psicólogo em Londrina
Ver todas as respostas
#3

Não estou conseguindo superar a perda da minha mãe!

Olá meu nome é Gislaine, tenho 36 anos, há 1 mês e 6 dias minha mãe de 66 anos cometeu suicídio com overdose de medicamentos tarja preta e enforcamento ao mesmo tempo. Sou filha única, tenho 5 irmãos,... Ver pergunta

A melhor resposta

Oi Gislaine, Que bom que decidiu compartilhar isso para saber o que fazer. Como você disse, além de filha você aparentemente era a cuidadora principal de sua mãe. O seu processo de luto ainda não foi ...

Kelly Leal Psicólogo em Salvador (Bahia)
Ver todas as respostas
Ver todas as perguntas

Psicólogos especializados em Luto

Ver mais psicólogos especializados em Luto