Acesso consultório Cadastre grátis seu consultório

Quais as cinco chaves para ser feliz?

<strong>Artigo revisado</strong> pelo

Artigo revisado pelo Comitê de MundoPsicologos

É possível que cada pessoa encontre a felicidade de uma forma distinta, mas existem chaves comuns que facilitam esse caminho. Todas são essenciais para uma vida feliz.

20 JAN 2014 · Leitura: min.
Descubra as chaves para a felicidade e viva melhor!
Encontrar a chave da felicidade não é tarefa fácil. A palavra chave traz a ideia de abrir, sejam portas ou caminhos. Somos seres maravilhosos e complexos, em constante mudança, imersos em uma realidade que às vezes nos supera.

Ser feliz é o mais importante nesta viagem e, muitas vezes, não sabemos navegar pelo longo e profundo mar. É possível que cada pessoa encontre a felicidade de uma forma distinta, mas existem chaves comuns que facilitam o caminho. A ordem não altera o produto. Todas são essenciais para uma vida feliz.

Aprenda a enxergar a vida e as dificuldades com outros olhos e se livre daquilo que não lhe faz falta e não acrescenta nada. Aqui temos algumas dicas para você ter uma vida melhor.

flickrporBrenda_Starr.jpg

O aqui e agora

Viver o presente. Muitos temos um ruído mental constante, que nos confunde, nos arrasta e nos vence. Este ruído é alimentado pelo passado e pelo futuro. O passado lhe diz: “E se eu tivesse feito tal coisa?”, “E se não tivesse acontecido isso?”, “E se eu tivesse tomado uma decisão diferente?", e muitos mais.

Você deve perceber que muitas frases começam com o “e se...”. Para o futuro utilizamos muito “E se não for aprovado?”, “E se eu não for bem?”, “E se fico nervoso?”, etc.. É hora de mudar! Vamos sair do “e se” e suas consequências. O “e se” se apoia no medo, na frustação, na culpa e na negatividade. Ele leva você ao bloqueio e à falta de ação. Viva o presente!

Algumas frases podem ajudar-lhe a lograr sua mudança no comportamento. São elas: “Estou aqui agora!”, “Isso é tudo o que está acontecendo neste momento!”. “Minha mente está ocupada e centrada neste instante!”. Isto é um treinamento, não se desespere, com o tempo você consegue. A meditação e a yoga também podem ajudar-lhe a adquirir prática.

Ter metas e objetivos é fundamental

Um barco sem leme ficará a deriva. Uma pessoa sem objetivos também. Ter metas na vida significa ter ilusões, ter razões para se levantar cada dia.

Busque metas que lhe agradam, que você goste, que lhe motive. Depois busque pequenos objetivos para cada uma delas. Você encontrará a satisfação de viver fazendo o que gosta de fazer. E, se amanhã sentir que estas metas já não lhe servem mais, que já não lhe fazem feliz, mude! Nada é eterno. Tem que tentar, jogar, pesquisar, aprender, começar.

Agradeça!

Esta ferramenta é muito poderosa. Ao agradecer focamos no lado positivo das coisas, naquilo que é bom em nossas vidas. Por outro lado, enche nossa alma de alegria. Você pode experimentar vários dias seguidos e notará a diferença imediatamente.

A alegria interior vem sozinha. Alguém pode dizer: “É que não tenho nada para agradecer”. Tem certeza? Este artigo chegou até você por algum motivo, agradeça. A vida é cheia de detalhes.

Confie!

Todo dia acordo com o canto dos pássaros. Eles passam o dia cantando. Agradeço muitíssimo porque todos os dias lembro de uma grande lição: viver o presente. Eles cantam todos os dias, mesmo sem saber se vão ter comida amanhã.

Isso não quer dizer para você passar a ser um pássaro despreocupado de tudo. Para isso, temos nossas metas e objetivos. A diferença está em se ocupar e não em se preocupar. Tenha confiança. Se você estiver em ação, as coisas que busca chegarão. É impossível controlar tudo, sendo assim, o que não depende de você, deixe fluir.

Revise suas crenças!

Você sabia que as crenças podem ser alteradas? Quando somos pequenos aprendemos diversas crenças e as deixamos permanente em nós, sem nenhuma revisão ou questionamento. Quando criança lhe diziam: “Com coisa séria não se brinca”. E a crença que se constrói detrás disso é: “se não faço o que meus pais dizem vai acontecer algo ruim comigo”.

No melhor dos casos esta crença já estará superada ou pode ser que siga existindo no seu inconsciente. Podíamos colocar muitos exemplos. O seu trabalho aqui é enxergar quais as crenças que você tem que o limitam de alguma forma.

Revise-as, questione e, se já não lhe servirem, se você não gostar delas ou não estiverem de acordo com o que você é, reconstrua-as.

Espero que estas chaves sirvam e que você compartilhe com outras pessoas que apareceram em sua mente enquanto lia este artigo.

Fotos (ordem de aparição): por william.neuheisel (Flickr) e Brenda-Starr (Flickr).
psicólogos
Linkedin
Escrito por

MundoPsicologos.com

Deixe seu comentário
23 Comentários
  • cremilda

    Parabéns, gostei muito do texto.

  • Brunner Santos

    Muito bom esse artigo vou tentar, um dia de cada vez.

  • Selma Magalhaes

    Muito bom mesmo. Parabéns.

  • Claudia

    Muito bom, às vezes precisamos de umas palavras como essas para nos acordar para a vida, e deixar de sermos muito indecisos na vida como eu. Preciso me encontrar...

  • Andrea Moreira

    Obrigada pela leitura! Cada palavra foi especial para mim, vou buscar colocá-las em prática, não é uma tarefa fácil, quando se trata de comportamento, mas acredito que posso e, com ajuda, conselhos de profissionais ou simplesmente pessoas sábias me farão rever o por que de não me permitir ser feliz.

  • José Carlos Cavalcante

    Perdemos muitas coisas, conquistas, porque, simplesmente, ficamos presos ao passado, às nossas crenças e não nos permitimos tentar o novo.

  • Equipe MundoPsicologos.com

    Bom dia, a melhor forma de conseguir respostas para sua dúvida é perguntar aos especialistas cadastrados, na seção de Perguntas do portal. Att. Equipe MundoPsicologos.com

  • AC

    Preciso de ajuda, eu achava que era ciumento demais, agora acho que é falta de atenção e acho que sou bipolar; minha vida é ruim demais, não tenho amigos, não confio em ninguém, desconfiou de tudo e todos, meu casamento está por um fio. Por favor, me ajude.

  • Silva

    Incrível! Parabéns. Minha autoestima melhorou!

  • Iuri Campelo

    Um texto curto e muito poderoso ao mesmo tempo.


Carregando...



últimos artigos sobre dicas de psicologia