Acesso consultório Cadastre grátis seu consultório

Você sabe aproveitar as oportunidades da vida?

<strong>Artigo revisado</strong> pelo

Artigo revisado pelo Comitê de MundoPsicologos

Você se arrepende de algo? Cuidado! Pode ser uma força paralisante e, como resultado, você acabar perdendo as oportunidades que a vida te oferece. Seria o seu caso? Faça o teste e descubra!

25 JUN 2018 · Leitura: min.
Você sabe aproveitar as oportunidades da vida?

Não adianta nem tentar negar, todos nós nos arrependemos de algo. Há estudos de que indicam que 75% das pessoas costumam se arrepender por não ter feito alguma coisa. Os outros 25% se arrependem por algo que fizeram.

Qual seria o seu caso? Independente da resposta é importante entender que o arrependimento pode ser paralisante. Se a pessoa fica revivendo o ocorrido e se martirizando por suas ações, os efeitos podem ser bastante negativos.

Falta de motivação, sensação de estancamento, tristeza… é importante saber deixar atrás o arrependimento e seguir adiante. E isso só é possível se você está aberto às oportunidades da vida. Responda o teste a seguir e descubra se você está preparado para receber, de braços abertos, aquilo que a vida te oferece:

Quando conhece uma pessoa

A) Penso: é de confiança?

B) Não me interessa, já tenho meus melhores amigos

C) Me bate uma curiosidade

Mudam você de escritório...

A) Será que fiz algo errado?

B) Tanto faz, o trabalho é o mesmo

C) Pode ser que surjam novas oportunidades

O plano do fim de semana foi cancelado

A) Entra em pânico: e agora?

B) Aproveito e fico em casa para descansar

C) É a desculpa perfeita para fazer meus próprios planos

É o momento de organizar a casa

A) Que preguiça me dá ter que me desfazer das coisas!

B) Se devo fazer, jogo fora o indispensável

C) Me desfazer de objetos inúteis faz com que me sinta bem

Você tem uma viagem de trabalho repentina

A) Quem irá dar comida para o gato?

B) Invento uma desculpa e recuso o compromisso

C) Que ótimo! Vamos viajar!

Se você anda esquecida/o e não é assim

A) Necessito vitaminas para a memória

B) Me dou conta porque os outros me dizem, mas isso não me afeta

C) Noto, mas não me julgo

As sorpresas

A) Me deixam nervosa/o

B) Odeio

C) Adoro

Maioria de respostas A

Qualquer surpresa ou imprevisto gera ansiedade porque você tem medo de perder o controle. Você vive evitando as mudanças e tenta manter tudo sob controle. Por isso não acolhe as novidades com serenidade.

Se você relaxa poderá ver a parte boa do "novo" e, inclusive, se dar conta de que, muitas vezes, esta situação pode ser melhor que a anterior

É importante entender que o medo não deixa o novo acontecer e que, na verdade, o verdadeiro temor é aquele relacionado com o lado misterioso e escuro que nos habita, que muitas vezes negamos a conhecer.

Maioria de respostas B

Você é uma pessoa com idéias fixas e não vê quando "o novo" se aproxima

Você tende a não querer abrir as portas para a mudança e, embora seja algo consumado, prefere negá-la. Para você é melhor seguir sua rotina e recusar as mudanças sempre que surge uma oportunidade.

Cuidado! A vida muda constantemente e ficar ancorado em suas "certezas" não te permite se desenvolver e descobrir, dia após dia, que somos diferentes e que estamos sempre deixando florescer novas versões de nós mesmos.

Quando a calma absoluta dura além da conta, cedo ou tarde chega a tempestade.

Maioria de respostas C

Você é flexível e aberta/o às novidades. Quando não há sinais de mudança, você os cria. Está aberta/o às novidades e sua flexibilidade é o que te permite acolhê-las de forma positiva, sabendo tirar melhor partido da situação.

Você tem espírito aventureiro e está sempre disposta/o a enfrentar qualquer imprevisto. Sabe se adaptar às circunstâncias sem se deixar dominar pela ansiedade. Vive as mudanças como oportunidade de crescimento e desenvolvimento.

Está em sintonia com seu mundo interior e respeita o que sente realmente.

shutterstock-629040722.jpg

Dicas para não perder oportunidades futuras

Acredite, muitas vezes desperdiçamos uma oportunidade por não estar suficientemente atentos. Quando percebemos, já é tarde demais para reagir. Algumas posturas são cruciais, se você quer evitar que isso aconteça:

  1. Maneje melhor seu tempo: você deve saber começar e terminar atividades, evitando procrastinar. Além disso, é muito importante dá o devido valor ao tempo, investindo-o em atividades que valham à pena. Muitas horas dedicadas à TV, redes sociais e entretenimento podem ser relaxante, mas dificilmente serão o seu diferencial na hora que a oportunidade chegar.
  2. Mantenha o foco: é importante que você estabeleça objetivos para as diferentes áreas da sua vida. Igualmente importante é manter o foco, fazendo com que suas ações contribuam para alcançar as metas estabelecidas. Quando você sabe exatamente onde quer chegar, é mais fácil reconhecer quando se aproxima uma oportunidade que fará você avançar mais rápido. E, como as oportunidades não costumam cair do céu, é o seu esforço que vai te guiar pelo caminho mais adequado.
  3. Arrisque-se: você precisa estar atento a seu instinto, que muitas vezes é o que vai indicar quando chegou o momento de deixar a estabilidade de lado para se arriscar e tomar novos caminhos. E não se trata apenas de grandes feitos, mas pequenas situações do dia a dia que insistimos em manter por inércia. É quando desejamos fazer coisas novas e estamos abertos à mudança que costumam aparecer as oportunidades mais significativas.
  4. Enfrente o medo ao fracasso: ninguém se sente bem ao perceber que falhou; tristeza e desmotivação são sentimentos mais que naturais. Entretanto, é fundamental não deixar se dominar pelo medo de fracassar. Entenda que você tem limitações e que nem sempre as expectativas se cumprem; porém nada de novo irá acontecer se você não tentar.
  5. Faça parte de um entorno positivo: cercar-se de pessoas negativas, fechadas e pouco ambiciosas somente servirá para alimentar seus medos e sua insegurança. No entanto, ao estar em meio a pessoas positivas e com objetivos, tanto no seu entorno social como profissional, tem efeito positivo na sua autoestima e na sua capacidade de abrir-se às oportunidades da vida.

Fotos: MundoPsicologos.com

psicólogos
Linkedin
Escrito por

MundoPsicologos.com

Deixe seu comentário
5 Comentários
  • Ronys Maia

    Gostei, realmente no elucida muito. Pois a oportunidades aparecem muito rapidamente da mesma forma que desaparecem temos de estar atentos. temos de ter mais conteudos semelhantes..

  • Luís Soares

    Para mim serviu me imenso para aprender que as oportunidades não devem ser desperdiçadas, pois só vivemos uma vez e temos de vivê la cada dia intensamente porque quando for tarde não há nada a fazer....sempre que os meus pais vão passear eu nunca quero e sinto que estou perdendo as oportunidades que não devia pois eles podem não voltar lá mais. Chego a ser mal humorado e isso não me deixa ser feliz e a sorrir para a vida e é lixado

  • Denilson Vitorino Barboza

    O texto nos trás conforto ao mostrar que todos acertamos e erramos e nos incentiva a não parar e lidar com frustrações e limitações.

  • Nubia Barros da Silva

    Gostei, porém ainda me sinto insegura para encarar ou até mesmo aceitar o NOVO.

  • Leila Coutinho

    Gostei demais da cada dica ,foram muito importante para mim. Agradeço.

últimos artigos sobre dicas de psicologia