Acesso consultório Cadastre grátis seu consultório

Como acabar com o stress no trabalho

<strong>Artigo revisado</strong> pelo

Artigo revisado pelo Comitê de MundoPsicologos

Não há como negar, o mundo laboral conforma o ambiente mais propício para o surgimento do stress. Sabia que é importantíssimo enfrentá-lo? Veja a seguir formas simples de diminuir o stress.

23 JUL 2018 · Leitura: min.
Como acabar com o stress no trabalho

Em um mundo altamente competitivo, as exigências no trabalho são cada vez maiores, tanto por parte da empresa como pela pressão imposta pelo próprio trabalhador, que deseja destacar no cumprimento de suas funções e demonstrar sua valia. Está claro que um entorno assim, repleto de cobrança, aumenta o stress laboral.

Você sabia que o stress laboral, ou ocupacional, é uma condição preocupante porque desencadeia uma série de sintomas físicos e emocionais? É uma condição de desgaste anormal, que a pessoa vai alimentando (conscientemente ou inconscientemente) até que culmine em uma crise de esgotamento. Precisa ser devidamente tratada, pois interferem do desempenho em todas as esferas da vida da pessoa.

Além de procurar a ajuda de um psicólogo especializado em stress, você pode contribuir para acabar com o stress no trabalho colocando em prática alguns (ou todos) dos conselhos abaixo:

1) Respeite seu ritmo de trabalho

Você tem limitações e sua rotina de trabalho será um progressivo caos se não for capaz de respeitar seu ritmo de trabalho. Defina prioridades para ser capaz de trabalhar de forma mais produtiva, evitando a procrastinação. Além disso, é importante saber dizer não àquilo que é impossível de encaixar no fluxo de trabalho.

2) Organize seu tempo

Há pessoas que funcionam melhor realizando uma única tarefa por vez. Porém, há aquelas que necessitam ter "diversidade" na sua rotina de trabalho, para que essa não seja pesada e entediante.

Independente do modelo de atuação que você prefira, é fundamental organizar o seu tempo, prever sua dedicação para cada atividade, para ser capaz de cumprir com os objetivos a tempo, ou de replanejar o quadro de prioridades em função de novas urgências.

3) Faça pausas

Seu cérebro precisa descansar para ser capaz de seguir produzindo nos níveis desejados. Além de fazer pausas periódicas, a música é um excelente recurso de distração e minimização do stress. É possível encontrar listas de reprodução para esse fim em plataformas como o Youtube ou Spotify.

shutterstock-759405655.jpg

4) Cuide da sua alimentação

Sabe aquele impulso de comer na mesa de trabalho, para ganhar minutos? Evite-o ao máximo. A hora do almoço é um importante momento de desconexão, que deve ser usado para o seu bem-estar. Dedique tempo a passear ao ar livre, a ler um livro ou uma revista. Isso vai permitir retomar a jornada de trabalho com mais energia e disposição. E não se esqueça de manter uma dieta equilibrada e saudável, rica em frutas, verduras e carnes magras. Isso ajudará seu cérebro a "pensar melhor".

5) Reflita sobre os fatores estressores

Para acabar com o stress no trabalho é indispensável que você reconheça aqueles fatores que o estão provocando, entenda seu funcionamento e trate de encontrar formas de minimizar sua influência.

Em grande parte das situações, com uma mudança de atitude você já conseguirá bloquear parte do stress sofrido no trabalho. Porém, há casos em que precisará conversar com outros companheiros, coordenadores ou responsáveis para tratar de encontrar uma solução conjuntamente.

6) Faça meditação

É importante parar, respirar, ter consciência de como você está neste momento e do que precisa para estar mais tranquilo e equilibrado. A prática de técnicas como o mindfulness ajuda a aliviar os sintomas físicos e emocionais de uma rotina de trabalho estressante.

7) Pense positivo, sempre!

Seus pensamentos influenciam, e muito, seu corpo e sua atitude. Por isso, para acabar com o stress no trabalho, é fundamental uma postura positiva, na qual seu potencial de crítica e análise não está focado unicamente na detecção de problemas, mas também na detecção de oportunidades e em ser agradecido por elas.

Fotos: MundoPsicologos

psicólogos
Linkedin
Escrito por

MundoPsicologos.com

Deixe seu comentário

últimos artigos sobre stress