MundoPsicologos.com
GRÁTIS - No Google Play GRÁTIS - Na App Store
Instalar Instalar

Ansiedade se combate com alimentação correta

Além do suporte pisicológico, indispensável àqueles que sofrem com ansiedade, outra ferramenta potente para combater esse sintoma é manter uma dieta balanceada. Os psicólogos podem e devem aconselhar seus clientes a terem uma refeição balanceada, rica em frutas, verduras e legumes, como forma de enfrentar o quadro de uma forma mais positiva.

9 Jul 2013 Problemas psicológicos - Leitura: min.

psicólogos
Uma boa alimentação ajuda o corpor a funcionar da menira correta e a combater a ansiedade

Todos nós sabemos que uma boa alimentação é fundamental para o corpo funcionar e ter energia para suportar todas as atividades do dia a dia. Muitas vezes, porém, por falta de tempo, acabamos fazendo um lanche rápido, sem nos preocupar com uma refeição balanceada.

Além de impactos para a fisiologia do corpo, esse tipo de rotina alimentar pode desencadear sintomas como cansaço constante, desânimo e, principalmente, ansiedade. Essa última, que está entre os sintomas mais frequentes nos consultórios dos psicólogos, tanto entre jovens como adultos, também pode ser combatida com as propriedades das frutas, verduras e legumes.

Evidentemente, não se trata de abordagens excludentes, mas sim de orientações complementares, que podem ser repassadas para os clientes como forma de enfrentar o quadro de ansiedade de uma forma mais positiva.

Alimentos para combater a ansiedade

  1. Carboidrato – visto como um vilão na dieta, se consumidos das fontes corretas (cereais e integrais), aumentam o nível de açúcar no sangue e, consequentemente, a sensação de bem-estar.
  2. Jabuticaba – esta pequena delícia é rica em vitamina B, C, carboidrato e ferro é antidepressiva, aumenta a defesa do organismo e auxilia no combate à anemia.
  3. Leite e derivados – excelente fonte de tripofano, famoso por aumentar o hormônio da felicidade e por ajudar a aliviar os sintomas da ansiedade.
  4. Mel – ajuda a aumentar a produção de serotonina, um neurotransmissor ligado à alteração do humor, e produz uma sensação de bem-estar, que também reduz a ansiedade.
  5. Maçã – a fruta proibida aqui é recomendada pelos especialistas. Ela é rica em fibras, minerais, zinco, magnésio, selênio, além das vitaminas A, B1, B2, B6 e C.
  6. Peixe – rico em tripofano, vitamina B3 e magnésio, ajuda as pessoas a terem um sono tranquilo.
  7. Ovo – pequeno no tamanho, grande nos benefícios. Fonte de tripofano, alivia grande parte dos sintomas da ansiedade.
  8. Chocolate – para a felicidade das mulheres, este alimento entrou na lista por ser rico em flavonoides. Comer preferencialmente o amargo e até 30 g por dia.

Não existem resultados científicos sobre o combate a ansiedade através da alimentação, mas quem provou o método não se arrependeu.

“Minha vida realmente mudou depois que passei a ter uma alimentação mais verde e equilibrada. Acredito que este é um benefício não só para o corpo, mas também para a mente. Antes ficava ansiosa por qualquer coisa, agora é como se a confiança tivesse aumentado”, afirma Camila Rosa.

Deixe seu comentário

Você não pode deixar de ler...