Dúvidas

Feita por >Natália · 23 set 2015 Teste vocacional

Olá!

Tenho 18 anos, estou extremamente confusa em relação a futuro. Já cursei um ano e meio de direito, mas nesse tempo trabalhei em uma multinacional no departamento de recursos humanos, no qual fez com que eu me apaixonasse pela área, e que também envolveu mesclas da psicologia organizacional. O que me deixou com muita dúvida e fazendo com que eu perdesse o interesse por direito, tanto é que logo tranquei a faculdade e estou com essa dúvida me corroendo. O que fazer? O que seguir?

Resposta enviada

Em breve, comprovaremos a sua resposta para publicá-la posteriormente

Algo falhou

Por favor, tente outra vez mais tarde.

A melhor resposta 24 SET 2015

Natália, bom dia! Compreensível esse momento de transição em que está vivendo. Seria muito produtivo você conversar com um profissional qualificado para entender o contexto em que esta vivendo, na qual oriente você nessas questões tão importantes e até mesmo angustiantes pela qual esta passando. Coloco-me a disposição e desejo sucesso em sua caminhada. Francis

Francislaine Wiczneski Doi Psicólogo em Curitiba

3 respostas

91 pontuações positivas

Contatar

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

2 OUT 2015

Boa noite Natália!
Entendo seu conflito e sugiro que você procure uma Orientação vocacional para que você sinta-se mais segura em relação a sua escolha profissional.
Um forte abraço e sucesso na sua descoberta!

Kelly

Kelly Conceição Cardoso Psicólogo em Rio de Janeiro

13 respostas

539 pontuações positivas

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

30 SET 2015

Trabalho com técnicas que auxiliam a resolução de problemas.

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

30 SET 2015

Olá Natália! Como vai?
Não me surpreendo com seu desconforto. A educação de nosso país somada às pressões sociais fazem com que tenhamos que tomar uma decisão tão importante de maneira muitas vezes prematura.
Você se assustaria com a quantidade de médicos que ainda que financeiramente tenham uma vida confortável não se sentem realizados com aquilo que fazem.
Somos convocados a decidir sobre o que queremos fazer até o fim de nossas vidas em uma fase em que não somos nem civilmente responsáveis por nossos atos.
Mas tenho uma boa notícia! Você conseguiu parar e sair do piloto automático em um período ainda muito favorável e agora tem a oportunidade de escolher aquilo que realmente possa te proporcionar qualidade de vida através da satisfação do trabalho e ainda contar com uma maior maturidade para se responsabilizar por suas próprias escolhas e o apoio de um Terapeuta pode ser de grande valia nesse momento.
Desejo sabedoria nas escolhas e muito sucesso em sua trajetória.
Um abraço!
Weslley Carneiro
Psicólogo Clínico
CRP 04/42041

Weslley Carneiro Psicólogo em Belo Horizonte

36 respostas

1063 pontuações positivas

Contatar

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

30 SET 2015

Oi Natalia. Nunca teremos certeza de nada na vida! E como a vida é bem dinâmica, o que gostamos hoje não gostamos mais amanhã. Faça uma faculdade e tenha seu diploma de curso superior. Depois você faz pós-graduação no que você quiser. Na área do conhecimento nada se perde. Felicidades.

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

30 SET 2015

Bom dia Natália!
É mais que normal ter essas dúvidas... O ideal seria que nesse momento você fizesse uma orientação profissional, irá te ajudar!

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

29 SET 2015

Olá Natália!!!

Pelo seu relato você já tem a sua resposta, talvez deseje somente o endosso de uma pessoa experiente e de sua confiança. O curso de psicologia nesta área poderá ser muito gratificante para a sua vida profissional.

Atenciosamente,

Psicólogo Carlos César

Carlos César Petruy Psicólogo em Curitiba

288 respostas

9810 pontuações positivas

Fazer terapia online

Contatar

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

29 SET 2015

Oi! Natália. Só você deve escolher o que se identifica. Sugiro que faça uma orientação vocacional, para entender melhor o que pretende, e sentir-se mais segura em relação a escolha desejada. Nessa idade é comum adolescentes terem dúvidas sobre o que desejam. Procure um profissional para ajuda-la. Atenciosamente, Psicóloga Celeste.

Psicóloga Celeste Martins Psicólogo em Rio de Janeiro

127 respostas

7601 pontuações positivas

Contatar

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

28 SET 2015

Bom dia Natália,
Para realizar uma decisão assertiva em relação ao seu futuro profissional é necessário entender melhor quais são suas principais habilidades e aptidões. Para isso, sugiro que procure um profissional capacitado para auxiliá-la no aumento da sua consciência em relação a si mesma. Sugiro que procure um psicólogo e fico à disposição para esclarecimentos.
Boa sorte!

Matheus Rotta Psicólogo em Mogi das Cruzes

6 respostas

470 pontuações positivas

Contatar

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

28 SET 2015

Olá Natália. Boa tarde.
Bem. Nessa fase da vida, aos 18 anos, muito natural é o fato de sentir-se instável, insegura, confusa em várias questões da vida.
Tratando-se de uma indecisão em relação à escolha profissional seria muito recomendado que você se submetesse a um processo de Orientação Vocacional. Certamente te traria mais segurança pra escolher e decidir com convicção a profissão que mais tem a ver com você.
Boa sorte.
Estou à disposição.

Gisele Domingos Rocha Psicólogo em Belo Horizonte

6 respostas

324 pontuações positivas

Contatar

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

28 SET 2015

Boa noite Natália,
Nesse momento de tantas dúvidas é aconselhável que procure um profissional para que faça orientação vocacional. Esse profissional irá ajudar a larear suas dúvidas e ajudá-la a se decidir melhor. Boa sorte.

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

28 SET 2015

Olá Natália! É natural sentir-se confusa nesta idade e com tantas opções de carreira disponíveis. Tente não se cobrar tanto, pois isso a deixará mais ansiosa e provavelmente tomará decisões precipitadas. Procure se imaginar daqui 5, 10 anos... Como gostaria de estar? O que gostaria de estar fazendo? Pense em coisas simples como: será que eu gostaria de trabalhar num ambiente fechado ou aberto? Com horários fixos ou não?...
E procure ajuda psicológica, a terapia lhe ajudará a ampliar sua visão sobre si mesma e o mundo.
Espero ter ajudado.
Abraços.

Heloisa Helena Kizys Psicólogo em São José dos Campos

1 resposta

Contatar

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

28 SET 2015

Olá, Natália,
O mais indicado nesse momento é que você possa fazer uma Orientação Profissional com intuito de descobrir as tuas habilidades, gostos e o que faz mais sentido pra ti como profissão, ou seja, a partir de testes psicológicos, técnicas e conversas, podemos descobrir o que te fará mais feliz profissionalmente. se tiveres interesse podemos agendar um horário sem custos para conversarmos a respeito. A orientação profissional é realizada em 5 encontros aproximadamente, de 50 minutos.
Estamos a disposição,

Att,
Gabriela Viana

Dialogar Psicoterapia e Consultoria Escolar Psicólogo em Porto Alegre

8 respostas

456 pontuações positivas

Contatar

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

28 SET 2015

Olá bom dia!
Esse período em que temos que escolher por qual caminho trilhar, é realmente muito angustiante. Porém dentro de nós existe um alerta chamado emoção e é através deste que melhor podemos responder aos nossos desejos. Siga em frente e atente para o que melhor te realiza como pessoa, não se esquecendo da realidade do mercado e da satisfação profissional. Abraço e se precisar poderemos conversar melhor sobre suas escolhas...
Dra Denise Lima

Denise Lima Tinoco Psicólogo em Macaé

1 resposta

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

28 SET 2015

Ola Natália,
No seu caso, lhe sugiro um processo de orientação profissional. É algo bem objetivo, dividido em 3 momentos: de auto conhecimento, reconhecimento das profissões, e análise do perfil. Esta atividade é realizada semanalmente, com duração de 50 minutos e por profissional habilitado. Na primeira sessão, o profissional lhe fornecerá maiores detalhes das etapas e atividades a serem desenvolvidas. Abraços.

CogniAção Terapia Cognitivo-Comportamental Psicólogo em Florianópolis

100 respostas

7513 pontuações positivas

Contatar

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

28 SET 2015

Olá, Natália.
Você não é a única pessoa a ter dúvidas em relação ao futuro profissional. Isso é bastante comum entre jovens da sua idade. Um caminho que poderá facilitar sua escolha é o trabalho de orientação profissional, no qual se trabalham questões de autoconhecimento, identificação de talentos, valores, crenças e tudo mais que possa influenciar seu processo de escolha. Alguns trabalhos são feitos em grupo, de forma que você possa trocar suas expectativas e angústias com outros jovens também.
Procure na sua cidade algum psicólogo que realize este tipo de atividade. Realizamos este trabalho no Rio de Janeiro com grupos de jovens, e temos turmas iniciando em outubro.
Um grande abraço e boa sorte!
Cristina Lamas.

Cristina Lamas Psicólogo em Rio de Janeiro

2 respostas

3 pontuações positivas

Contatar

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

28 SET 2015

Natália, bom dia! Podemos ajudá-la nesse momento de dúvidas trabalhando o processo de Coaching Vocacional. Entre em contato conosco para maiores informações e agendarmos um horário.

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

28 SET 2015

Olá Natália. Esse é um caminho que deve ser construído, não existe uma resposta certa ou errada para o teu questionamento. Seria muito interessante que você buscasse um psicólogo especializado em carreira para trabalhar essas questões.

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

28 SET 2015

Bom dia:
Cerca de 30 % dos estudantes que iniciam um curso universitário desistem do mesmo. Na maioria das vezes os estudantes têm uma visão ideal do que seria o curso ou a profissão e por isso se decepcionam. Qualquer trabalho ou curso têm aspectos enfadonhos, chatos e tarefas desagradáveis a cumprir. Muitas vezes o jovem não está preparado para isso. Sugiro que você considere quais os fatores que levaram você a desistir do curso de direito e quais os fatores positivos do mesmo. Pense no curso de Psicologia e verifique os mesmos fatores. Analise os fatores. Há semelhança na forma da escolha. Qual preenche seus anseios em termos de habilidades, valores e necessidades? Se ainda houver dúvida, busque a Orientação Profissional.

Celia Regina Cordeiro Sampaio Psicólogo em Curitiba

15 respostas

2451 pontuações positivas

Contatar

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

28 SET 2015

Natália, isso que ocorre com você é muito comum. O número de feira de profissões aumentou bastante por causa desse tipo de dúvidas. Aos 18 anos ainda existe muita imaturidade e desconhecimento das áreas profissionais. O ideal é procurar um profissional (psicólogo) da área de OP (Orientação Profissional), que vai aplicar uma série de testes para identificar as suas reais áreas de interesse. Um bom profissional é aquele que se diverte e gosta com o que faz profissionalmente, sem sofrimentos.

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

28 SET 2015

Oi Natália. Essa dúvida é bem comum nos dias atuais porque as atividades acabam mesclando conhecimentos e habilidades que culmina em um questionamento: será que sirvo para isso e em que vou sentir realizada. A experiência e o estudo vai nos mostrando o caminho,mas o ideal é procurar fazer uma orientação vocacional com psicólogo. O Psicólogo trabalhará suas habilidades e competências bem como a adequação de sua personalidade a algumas atividades. Esse trabalho lhe auxiliará em uma decisão mais consciente.

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

28 SET 2015

Bom dia Natália, sugiro que você procure um profissional de Psicologia para lhe ajudar em relação a insegurança e seus perspectivas sobre o futuro. Penso ser viável realizar uma orientação profissional, onde poderá ser identificado quais as suas habilidades em determinadas áreas de atuação profissional, para então, você optar por algo que mais lhe agrade. Tudo de bom!

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

26 SET 2015

Oi Natalia. É normal ficar em duvida quanto a carreira a seguir. Particularmente eu não concordo que uma decisão, tão importante quanto essa, que nos traçará o futuro, tenha de ser tomada nessa idade que ainda estamos nos encontrando com nosso eu adusto. Minha opinião é que voce procure procure uma orientação vocacional que ajuda, e muito, nesse processo de se conhecer e se identificar com uma profissão. Um abraço.

Lea Maria Vicari Psicólogo em São Paulo

51 respostas

4234 pontuações positivas

Contatar

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

26 SET 2015

Oi Natália... Muitos jovens não estão preparados pra essa escolha tão importante na vida...Acredito que as escolas poderiam ter uma matéria que fosse ajudando os alunos nesse processo, esclarecendo e propondo que eles buscassem mais informações sobre as profissões, com dinâmicas que os levassem a descobrir seus interesses e potencialidade. Infelizmente isso não acontece e de repente o jovem se vê tendo que fazer essa opção, as vezes sem esse autoconhecimento, as vezes tendo que corresponder as expectativas dos pais ou sendo levado por desejos que não são dele. Outras vezes buscando a profissão somente visando possibilidades financeiras...Ou conhece sua área de interesse, mas não sabe ao certo qual a profissão seguir. No seu caso parece que vc mais ou menos definiu a área de humanas. Sendo assim, procure se informar melhor sobre essas profissões que parece ter despertado seu interesse. Leia sobre elas, converse com alguns profissionais que já atuam, procure se ver realizando essas tarefas e se a dúvida continuar, procure sim a orientação de um psicólogo. Boa sorte!

Ana Cristina Machado Psicólogo em Salvador

3 respostas

90 pontuações positivas

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

25 SET 2015

Boa tarde Natália. Com toda essa dúvida, nesse momento você deve passar por testes psicométricos de Orientação Vocacional, para ajudá-la em sua melhor área de atuação, para que possa em sua decisão.
Att
Eliane Marçal

Eliane Subtil Marçal Psicólogo em Londrina

25 respostas

1149 pontuações positivas

Contatar

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

25 SET 2015

Boa tarde, Natália! Essa fase de conflito em relação à escolha profissional é normal para sua idade, muitos jovens sentem dúvidas em relação a qual carreira profissional devem seguir, muitos chegam a um estado emocional de ansiedade e angustia, o resultado disso é escolha pela profissão errada, alguns iniciam uma faculdade e logo desistem do curso. O mais interessante é que você procure a ajuda de um profissional qualificado em orientação vocacional.

Aminy Alves Sobrinho Psicólogo em Vitória da Conquista

1 resposta

1 pontuações positivas

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

Psicólogos especializados em Teste vocacional

Ver mais psicólogos especializados em Teste vocacional

Outras perguntas sobre Teste vocacional

Explique seu caso aos nossos psicólogos

Publique a sua pergunta de forma anônima e receba orientação psicológica em 48h.

50 Você precisa escrever mais 10250 caracteres

Sua pergunta e as respectivas respostas serão publicadas no site. Este serviço é gratuito e não substitui uma sessão de terapia.

Enviaremos a sua pergunta a especialistas no tema, que se oferecerão para acompanhar o seu caso pessoalmente.

A sessão de terapia não é grátis e o preço estará sujeito às tarifas do profissional.

A sessão de terapia não é grátis e o preço estará sujeito às tarifas do profissional.

Coloque um apelido para manter o seu anonimato

Sua pergunta está sendo revisada

Te avisaremos por e-mail quando for publicada

Esta pergunta já existe

Por favor, use o buscador para conferir as respostas

Psicólogos 11200

Psicólogos

perguntas 10250

perguntas

respostas 32900

respostas