Acesso consultório Cadastre grátis seu consultório

Como lidar com a ansiedade?

Muito se tem falado da ansiedade na nossa modernidade, mas o que vem a ser a snsiedade? Será que ela é sempre prejudicial? Este artigo abordará essa temática tão importante.

3 MAI 2016 · Leitura: min.
Como lidar com a ansiedade?

Ansiedade é um sentimento vago, desagradável de medo, apreensão, caracterizado por tensão ou desconforto derivado de antecipação de perigo, de algo desconhecido ou estranho.

A maneira prática de se diferenciar ansiedade normal de ansiedade patológica é basicamente avaliar se a reação ansiosa é de curta duração, autolimitada e relacionada ao estímulo do momento. A ansiedade só por si não tem necessariamente de ser um problema.

No entanto, se você sentir que a ansiedade paralisa sua vida, é hora de agir e procurar ajuda de um profissional. Lembre-se, preocupar-se com algo que você não pode influenciar, ou mudar, só aumentará o seu desconforto e mal-estar, e é desperdício de energia psíquica.

Como reduzir a ansiedade?

O aumento da atividade física. O exercício físico estimular o sistema imunológico, diminuir a tensão muscular, regular o sono e ajudar a regular os níveis dos neurotransmissores, cujo desequilíbrio é conhecido em consequência da ansiedade e depressão.

Meditação ou a técnica da Mindfulness que, nada tem a vê com religiosidade, mas sim, ter atenção plena no que você está fazendo, estar no aqui agora. Essa técnica tem-se mostrado eficaz na redução dos níveis de ansiedade.

Pensar positivo. Existe uma ligação direta entre os seus pensamentos, as cognições e as suas emoções, e ações, por isso é importante que na presença de sintomas de ansiedade você consiga orientar a sua atenção para pensamentos positivos.

Os dois componentes principais do tratamento dos transtornos de ansiedade são atendimento psiquiátrico e/ou a psicoterapia cognitivo-comportamental, é muito importante consultar um psicólogo e ter um suporte qualificado para te ajudar a criar um novo repertorio de comportamentos a fim de enfrentar a ansiedade patológica.

Foto: por stuartpilbrow (Flickr)

Escrito por

Psicóloga Glória Libanio

Ver perfil
Deixe seu comentário

últimos artigos sobre ansiedade