A importância de saber a causa da ansiedade

Se você já passou por um atendimento médico e descobriu que não há nenhuma causa orgânica para seus sintomas de ansiedade, esse artigo pode te ajudar a entender melhor.

18 JUL 2019 · Leitura: min.
A importância de saber a causa da ansiedade

A ansiedade é um estado afetivo bastante frequente em muitas pessoas e, dentre outras características, existe a de que em muitos momentos as pessoas não conseguem identificar a causa da manifestação dos sintomas de ansiedade.

Diante disso, muitos mitos são criados acerca do tema no senso comum. Um desses mitos é de que a ansiedade ''surge do nada''. Ora, se a ansiedade é um estado afetivo e os estados afetivos aparecem como uma reação a algo, à alguma situação, a ansiedade segue a mesma tendência.

Se estamos alegres, é por algum motivo. Se estamos tristes, também há um motivo. Se estamos ansiosos, também. Então, se a ansiedade é ''causada'' por algo, alguma situação, é imprescindível sabermos qual é a causa da ansiedade. Esse é o primeiro passo para descortinar os sintomas de ansiedade em alguém.

Ao estabelecer o link entre os sintomas de ansiedade e a causa, a pessoa passa a se sentir melhor pois visualiza o porquê de tal situação e agora poderá desmembrar e se aprofundar melhor na situação ou na questão que está causando tais sintomas de ansiedade.

A causa, geralmente, é alguma situação de conflito, algo pessoal, alguma notícia. É necessário salientar que a ansiedade é natural e benéfica. A ansiedade é muitas vezes o sinal de que algo não está bem, algo está em contradição com o que esperávamos ou o que esperávamos está muito distante da realidade e, por isso, precisamos nos ajustar ou modificar alguma situação.

O problema da ansiedade é quando ela está exagerada e, nesse caso, os sintomas acabam atrapalhando o nosso dia a dia. Isso torna então, mais urgente, a psicoterapia para que o paciente comece a lidar com a causa da ansiedade de uma forma que não gere uma ansiedade tão exagerada.

Por isso o acompanhamento psicológico é tão importante. Primeiro para ajudar o paciente a entender a causa dos sintomas da sua ansiedade e depois para fazer com que ele aprenda a lidar com a situação que causou ou está causando a ansiedade.

E, após a psicoterapia, o que ele elaborou vai ajudá-lo na prevenção de novas crises caso ele necessite lidar novamente com outras situações de conflito que possam gerar sintomas exagerados de ansiedade.

Escrito por

Consultório Anseio

Ver perfil
Deixe seu comentário

últimos artigos sobre ansiedade