MundoPsicologos.com
MundoPsicologos.com
No Google Play Na App Store

Quando a timidez na infância é um problema?

<strong>Artigo revisado</strong> pelo

Artigo revisado pelo Comitê de MundoPsicologos

Até que ponto a timidez é um traço da personalidade de uma criança? Quando passa a ser um problema psicológico? Descubra o que dizem os especialistas.

13 Jul 2015 · Leitura: min.
Quando a timidez na infância é um problema?

É normal que pais de crianças tímidas sempre se perguntem se a introspecção é apenas um traço da personalidade do filho ou filha ou pode ser indício de um problema. Onde está o limite? Como saber se a timidez na infância é excessiva e deve ser tratada?

Neste artigo psicólogos especialistas no tema compartilham dicas importantes com você. Confira as situações mais típicas e o que fazer.

1) Medo de fazer novas amizades

Crianças tímidas, na maioria das vezes, têm dificuldades para fazer novas amizades. Isso se pode notar nos momentos sociais - parque, vizinhos, piscina, etc., mas também na escola. A psicóloga Riva Gelman comenta que se trata de um quadro comum e que normalmente acontece porque a criança ainda não foi capaz de criar uma relação de confiança.

"Vale a pena incentivá-la a tentar vencer seus temores, uma vez que são outras crianças e podem reagir diferente. Se ela não conseguir sozinha, sugiro que peça auxílio [...]."

Outros pais e vizinhos podem ajudar a promover a aproximação dela a outras crianças. Riva ressalta que, se isso for insuficiente, vale a pena pensar em uma ajuda profissional, para que a criança ganhe mais confiança em si e desenvolva um manejo social.

2) Problemas para se enturmar na escola

flickrjustonlysteve.jpg

Grande parte dos casos está relacionada à mudança de escola, à perda de contato com o conhecido e ao desafio que pode supor construir novas relações. O psicólogo Leonardo Viana de Vasconcelos aponta o diálogo como um caminho eficaz.

"Você pode conversar com seu filho para tentar entender por que essa interação com os colegas é tão difícil e, dependendo do que seja, encorajá-lo a também tomar a iniciativa. Dependendo do que você perceber a partir do diálogo com seu filho, outra alternativa é buscar ajuda de um psicólogo."

Quando a timidez vira um problema?

A timidez passa a ser um problema para uma criança (adolescente ou adulto) quando a inibição faz com que situações rotineiras se transformem em momento de intenso sofrimento. É aí quando a terapia deve ser iniciada.

Sem a intervenção de um profissional especializado, o quadro pode evoluir para uma fobia social, quando há um verdadeiro pavor de se expor em público. Esse tipo de fobia pode provocar prejuízos ocupacionais, familiares e sociais, além de isolamento e depressão.

Se você ainda ficou com dúvidas sobre timidez, introspecção e efeitos na infância, entre em contato direto com os especialistas do portal publicando sua dúvida na nossa seção de Perguntas.

Fotos (ordem de aparição): por Lili Vieira de Carvalho e justonlysteve (Flickr)

psicólogos
Escrito por

MundoPsicologos.com

Deixe seu comentário
Comentários 6
  • Érica Oliveira Silotto

    Bom Dia !Tenho uma dúvida....Minha filha te hj 5 anos e é tímida, te dificuldade de interação e de se aproximar de novas crianças, com as quais ela já está adaptada é uma criança normal faz as atividades normalmente, percebi uma melhora no seu desenvolvimento, porém ela aceita ordem das crianças passivamente e nem questiona, se manda ela sair do lugar, ela sai...se outras crianças ofende ela não rebate, se ela me conta, ensino ela a responder a outra criança e a se defender mas ela não faz....estou preocupada ainda mais visto que posteriormente vou mudar de cidade, ela vai para o primeiro ciclo do ensino fundamental, e isso está me preocupando como mãe e também professora , percebo que ela se distancia nessa questão de outras crianças na mesma idade que ela....

  • Natália melo

    Meu filho sempre foi tímido mas nada de extremo, hoje aos 6 anos está apresentando crise de ansiedade, e não consegue ficar em ambientes cheios, tem crise de choro

  • Equipe MundoPsicologos.com

    Bom dia, Giselli! Você pode compartilhar seu problema com a nossa "Comunidade" e receber a ajuda de pessoas que passaram por situações similares. Att. Equipe MundoPsicologos.com

  • Giselli

    Olá, bom dia! Minha filha tem 7 anos e fez amizade na escola apenas com uma amiga, a mesma é bem diferente da minha filha, é imperativa, mandona e acaba fazendo com que minha filha só brinque com ela, passado alguns meses percebi que minha filha só queria brincar com ela e quando a mesma faltava minha filha não queria ir à escola e dizia que ninguém brinca as brincadeiras que ela gosta. Minha filha até fez amizade com mais duas meninas, já que a melhor amiga dela passou a faltar com freqüência, porém, dias depois minha filha me disse que essas duas amigas que ela fez amizade nem sempre chamam ela para brincar e ela por algumas vezes não quis se aproximar pois são brincadeiras que ela não gosta. Estou muito preocupada, pois chegou ao ponto da minha filha não querer mais ir à escola e nem fazer atividades extras na escola, pois, a amiga dela quase não esta indo mais. Minha filha tem gagueira leve a moderada, a escola que ela estuda desde os 2 anos é waldorf, acredito que ela não esteja sofrendo preconceito, mas vejo que ela sofre, não sei como lidar com isso, Desde pequena ela sempre foi muito sociável, mas, nesta idade percebo que ela se tornou mais tímida e seletiva demais. Por favor, quem puder me ajudar eu agradeço! Quero salientar também que minha Família, eu meu esposa e meu outro filho de anos, não somos de ter amizades, somos só nós quatro, saímos com as crianças nos finais de semana e piscina só com elas, contato com outras crianças apenas na escola, não sei se esse pode ser o fator decisivo para tal comportamento.

  • Equipe MundoPsicologos.com

    Olá Francielly, se você quiser entrar em contato com algum especialista com experiência neste problema, faça-o através da seção "Psicólogos". Os resultados podem ser filtrados por localidade. Att. Equipe MundoPsicologos.com

  • francielly silva severino

    Minha filha tem 13 anos e tem muita dificuldade em fazer amizades na escola, é muito tímida e não consegue conversar em público e muito menos na escola. Estou muito preocupada, ela tenta mudar mais está difícil.