O mecanismo de chantagem emocional

Você conhece o mecanismo "chantagem emocional"? Entenda sobre e como funciona esta dinâmica nos relacionamentos.

31 MAR 2020 · Leitura: min.
O mecanismo de chantagem emocional

Chantagem já costuma ser algo que nos soa traiçoeiro e negativo. E chantagem emocional? Como funciona este mecanismo nas relações e quais os prejuízos desta dinâmica?

O que é chantagem?

Chantagem é uma prática imoral que consiste principalmente em revelar informações sobre uma pessoa diante de algum comportamento ou ato exigido pelo chantagista.

A chantagem emocional

Com base no conceito de chantagem é possível compreendermos no que consiste a chantagem emocional: ela é praticada por uma pessoa da relação possuindo dois aspectos principais do chantagista. Quais são eles?

  1. Ameaça: o chantagista para conseguir algo que almeja, usa da relação para ameaçar o envolvido no que diz respeito ao rompimento do vínculo.
  2. Vitimização: o chantagista usa de argumentos emocionais que, diante de algo que desaprova, será diretamente prejudicado ou lesado, levando ao envolvido a compreensão de que fará mal a outra pessoa ao não seguir suas orientações ou reivindicações.

Um mecanismo presente em relações não saudáveis

O mecanismo de chantagem emocional costuma não ser um evento isolado, estando presente frequentemente em todos os tipos de relações sejam afetivas, familiares ou sociais na qual existe uma pessoa com perfil dominante ou autoritário.

Como o próprio conceito de chantagem define, o ato é imoral, ou seja, visa apenas os benefícios e desejos do chantagista, deixando quem se encontra nessa relação encurralado e com frequência cedendo a comportamentos ou escolhas que não condizem com sua ética ou preferências. Sentir-se chantageado é altamente prejudicial para nossa saúde mental: além de nos promover a percepção de mal-estar em agir em desacordo com nossos valores, leva a crença de impotência na tomada de decisões e inúmeros prejuízos principalmente no abandono de hábitos, encontros e vínculos prazerosos em nome de outra pessoa.

Além disso, a dinâmica de chantagem emocional pode levar a preservação de vínculos ou hábitos as escondidas, fazendo com que o chantageado minta por não conseguir romper esse mecanismo podendo se sentir mal com sua postura ou então, se deparando com confusões, atritos ou mais chantagens quando descoberto.

Como costumam aparecer as falas de chantagem emocional?

O chantagista costuma sempre usar de suas emoções ou de seu vínculo em suas falas:

"Se você não deixar de ver essa pessoa não poderei mais me relacionar com você.";

"Você não respeitando meus desejos me faz sofrer. Acho que suas intenções são me fazer mal.";

"Enquanto você não deixar de ir naquele lugar não falarei com você novamente.";

"Você só poderá provar seus sentimentos fazendo o que estou te pedindo."

O que motiva o chantagista?

Na chantagem emocional, o perfil do chantagista costuma ser de uma pessoa autoritária, ciumenta ou que sofra intensamente de baixa autoestima, buscando através desse tipo de controle, uma segurança de manter o vínculo e não ser abandonado.

Como romper esta dinâmica?

Tanto aquele que promove a chantagem emocional dependendo dela para sentir-se seguro quanto aquele que sofre pelas chantagens, mas mesmo em sofrimento não consegue se opor, é indicado que ambos os perfis procurem apoio psicológico.

O processo de autoconhecimento e fortalecimento emocional promove a capacidade de romper ciclos, funcionamentos considerados padrão em inúmeras relações e empoderamento para tomada de decisões com segurança e bem-estar.

Escrito por

Maitê Hammoud

Psicóloga Número do CRP: 06/112988

Psicóloga clínica com curso de aperfeiçoamento em psicanálise, é especialista no atendimento de adolescentes, adultos e terceira idade. Seguindo a abordagem psicanalítica e da terapia breve, atua com foco em transtornos emocionais e comportamentais, relacionamentos interpessoais e questões familiares.

Ver perfil
Deixe seu comentário

últimos artigos sobre desenvolvimento pessoal