Estarei sendo insensível por me afastar de alguém?

Feita por >Gi Gasparetto · 10 nov 2021 Habilidades sociais

oi! bem, há algumas semanas atrás eu estava muito sozinha, e acabei que no desespero, fiz amizade com a primeira pessoa que me apareceu...ele é uma pessoa boa, mas a gente não tem nada haver. eu não consigo puxar assunto, mas ele sempre fala sem parar, e temos opiniões sobre o mundo completamente diferentes, não de uma forma que dê para agregar e conviver com as diferenças, mas sim de forma com que eu passe muita raiva devido a ignorância da parte dele!
semana passada, descobri que ele está gostando de mim e comecei a sentir uma repulsa muito grande, e ele sempre tenta me abraçar e eu me sinto muito desconfortável com isso, mas nunca falei por medo de magoá-lo. de uns tempos para cá, fiz amizades com mais pessoas, pessoas com quem eu tenho uma relação saudável e não forçada.. só que eu tenho medo de estar sendo insensível, não estar tendo responsabilidade afetiva em me afastar dele, pois apesar de tudo, ele não é uma pessoa ruim, e não quero que ele sinta que apenas o usei, mas não aguento mais falar com ele! o que eu faço?

Resposta enviada

Em breve, comprovaremos a sua resposta para publicá-la posteriormente

Algo falhou

Por favor, tente outra vez mais tarde.

A melhor resposta 17 NOV 2021

Olá! Num primeiro momento você se aproximou, mas depois que o conheceu melhor viu que não tem afinidades com ele, isso acontece nas relações entre as pessoas, conhecemos pessoas, conversamos e acaba que ficamos próximo das pessoas que tem alguma afinidade com a gente.
Se você descobriu que ele gosta de você e você não tem intenção de se relacionar com ele, fale que não quer se relacionar com ele, pior será se você não falar e ele manter as esperanças num possível relacionamento.

Cléa Andrade Psicólogo em Rio de Janeiro

252 respostas

159 pontuações positivas

Fazer terapia online

Contatar

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

15 NOV 2021

Boa noite!!
Converse com ele!! Afinal ele é seu amigo. Se afastar sem conversar vai fazer com que ele ache que fez algo errado. Converse com ele não há nada a perder!!
Estamos a disposição

CA Neuroconecta Psicólogo em São Paulo

100 respostas

46 pontuações positivas

Fazer terapia online

Contatar

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

12 NOV 2021

Oi Gi Gasparetto,
Voce está numa posição interessante da tua vida, sente solidão, mas concorda estar com os que tem o mesmo pensamento seu.
Pessoas saudáveis não são as que pensam como nós pensamos, estas são apenas concordinos que podem não nos expandir em nada.
Ao contrário, o garoto que gosta de ti, pensa diferente, tem um ponto de vista diferente o que pode ser muito interessante para voce.
Voce como ele, vivem num mesmo planeta, num mesmo país, numa mesma localidade, tem mais ou menos a mesma idade e TEM PONTOS DE VISTA DIFERENTES... Isto é maravilhoso, juntos voces podem conhecer versões, visões diferentes da mesma realidade.
Claro que não vai forçar para gostar dele, mas aceite estas diferenças e converse com ele sobre estas diferentes percepções que voces tem das mesmas coisas. Não precisam achar respostas, mas considerem interessantes as visões diferentes.

Geime Rozanski Psicólogo em Brasília

2213 respostas

2125 pontuações positivas

Fazer terapia online

Contatar

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

11 NOV 2021

Olá Gi Gasparetto.
Estar com uma pessoa que fala sem parar e que não lhe dá espaço realmente não é nada bom. A comunicação positiva exige a troca, que é a escuta ativa de ambas as partes. Caso contrário, é um monólogo, onde só uma parte emite a sua opinião, desejos, expectativas, sentimentos, emoções... e não se preocupa com o sentimento do outro. Então, se você iniciou o relacionamento buscando apenas amizade e não vê afinidades entre vocês, e, muito menos a possibilidade de relacionamento amoroso, precisa comunicar isso à ele. Claro, que para ser justa em relação ao tempo que passaram juntos e que para você à princípio foi bom, o diálogo sincero respeitoso e de agradecimento deve estar presente em todos os momentos. Procurar outras ocupações nos horários em que estavam juntos e se afastar gradativamente , mas de forma contínua até chegar no momento certo e na forma que deseja esse contato. Os contatos com amigos podem ser diários, quinzenais, mensais, anuais, ou esporádicos se assim desejar. Caso o seu amigo não aceite as novas formas de relacionamento propostas, também é direito dele se afastar.
Procure ajuda do psicólogo para desenvolver o seu autoconhecimento, auto estima e treinar a sua assertividade que é uma forma mais positiva de comunicação.
Fico à disposição.
Maria Nair
Especialista em Psicologia Clínica
Terapia Cognitiva Comportamental

Psicóloga Maria Nair Psicólogo em Curitiba

504 respostas

349 pontuações positivas

Contatar

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

11 NOV 2021

Olá Gi! Grato por escrever. Por que se sentia sozinha? Por que ficou desesperada? Por que está difícil administrar forma de troca de interações que contemplem o respeito à tua intimidade? Quando um não quer, dois não brigam; quando um não ama, dois não amam. A linguagem precisa ser nítida, transparente, autônoma, respeitosa, posto que ele é uma pessoa boa.
De outro lado, os que mais nos acrescentam são os diferentes, não os iguais.
Certamente, em você há imaturidade, necessidade de aprimorar a compreensão do mundo, delimitação mais segura das trocas sociais.
Estaremos à disposição para te ajudar.
Abraços virtuais (em tempos de quarta onda de pandemia verdadeira, de maioria de falsos políticos, de grande maioria de falsos religiosos (comerciantes da fé, opositores do conhecimento), até de alguns falsos cientistas, sigamos recomendações de instituições como: TVs Educativas, Universidades Públicas, Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência, Organização Mundial da Saúde!)

Ary Donizete Machado - psicólogo clínico.

Ary Donizete Machado Psicólogo em Limeira

4470 respostas

3334 pontuações positivas

Fazer terapia online

Contatar

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

11 NOV 2021

Olá, Gi. Responsabilidade afetiva também é sobre transparência nas relações. Algumas vezes o outro não consegue atender nossas expectativas e outras vezes nós não conseguimos atender as expectativas do outro, pois cada um possui suas particularidades. Quando conseguimos reconhecer e respeitar nossos limites conseguimos levar uma vida mais leve, quando ignoramos nossos limites por medo de magoar o outro, dificuldade em dizer não ou insegurança, estamos ultrapassando nossos limites e temos como estratégia de enfrentamento o comportamento passivo nesse caso. O diálogo é muito importante para a construção de uma relação saudável, converse com ele sobre o que você vem sentindo, diga o que você gostaria (se gostaria de ser amiga dele ou não) de uma forma educada e empática.

Psicóloga Isabella Bergamo
CRP: 06/173927

Psicóloga Isabella Bergamo Psicólogo em Ribeirão Preto

17 respostas

7 pontuações positivas

Contatar

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

11 NOV 2021

Olá!
Se continuar próxima dessa pessoa já não é uma possibilidade (ou seja, não nos é possível, não nos sentimos mais confortáveis com aquilo), podemos pensar numa forma de conversar sobre isso sem que magoe a pessoa, como explicar que os sentimentos não são os mesmos.
Entretanto, fico curiosa sobre essa busca "no desespero" por amizades. Como é isso? Fico feliz que tenha encontrado novas amizades, mas leve em consideração se isso é um padrão que se repete.
Busque um processo de terapia, você pode se beneficiar bastante disso.
Conte comigo se precisar
Um abraço

Eloisa Goronci Psicóloga Psicólogo em Vila Velha

287 respostas

240 pontuações positivas

Fazer terapia online

Contatar

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

Psicólogos especializados em Habilidades sociais

Ver mais psicólogos especializados em Habilidades sociais

Outras perguntas sobre Habilidades sociais

Explique seu caso aos nossos psicólogos

Publique a sua pergunta de forma anônima e receba orientação psicológica em 48h.

50 Você precisa escrever mais 16250 caracteres

Sua pergunta e as respectivas respostas serão publicadas no site. Este serviço é gratuito e não substitui uma sessão de terapia.

Enviaremos a sua pergunta a especialistas no tema, que se oferecerão para acompanhar o seu caso pessoalmente.

A sessão de terapia não é grátis e o preço estará sujeito às tarifas do profissional.

A sessão de terapia não é grátis e o preço estará sujeito às tarifas do profissional.

Coloque um apelido para manter o seu anonimato

Sua pergunta está sendo revisada

Te avisaremos por e-mail quando for publicada

Esta pergunta já existe

Por favor, use o buscador para conferir as respostas

Psicólogos 12550

Psicólogos

perguntas 16250

perguntas

respostas 46400

respostas