Não consigo terminar relação por medo de fazê-lo sofrer

Feita por >Ana · 20 mai 2016 Separação

Estava namorando um rapaz por seis meses e era um relacionamento muito bom. Até descobrir que ele não havia acabado com a outra namorada, ou seja, tinha duas namoradas ao mesmo tempo. Para piorar, falava mal de mim para todo mundo. Terminamos. Depois de uns dois meses, voltamos. Ele se mostrava realmente arrependido e dizia que me amava. Tudo isso aconteceu faz um ano e meio e ele me trata muito bem, mas não consigo lembrar do que aconteceu e não sentir uma mágoa. Não consigo confiar e nem me entregar pra ele. Porém, o rapaz diz me amar, que quer casar e não tenho coragem de terminar porque vou fazê-lo sofrer, mas não estou feliz com ele. O que fazer?

Resposta enviada

Em breve, comprovaremos a sua resposta para publicá-la posteriormente

Algo falhou

Por favor, tente outra vez mais tarde.

A melhor resposta 21 MAI 2016

Olá Ana,
Para mim ficou muito forte a frase "mas não estou feliz com ele". Pareceu-me que você está anulando seu sentimento em nome do bem estar do outro, e fiquei me perguntando se é apenas nesse relacionamento que você se anula dessa forma. Aproveite este momento de reflexão e lembre-se dos seus outros relacionamentos: com amigos, familiares, colegas de escola / trabalho e etc. Gostaria que você se atentasse para as suas necessidades e para os seus sentimentos.
Em geral, toda mudança implica em sofrimento. O fim de relacionamentos amorosos não seria diferente. No entanto, esse sofrimento não pode ser maior que sua vontade de mudar e ser feliz.
Acredito que nessa relação existem acontecimentos anteriores que devem ser observados com cuidado. Portanto, aconselho que você busque terapia para se conhecer melhor, avaliar essa e outras relações mas, principalmente, que você esteja aberta para observar como está sua relação consigo mesma.
Tenho certeza que você tem muito para descobrir, e que será mágico!
Grande abraço e boa sorte na sua caminhada!

Camila Evangelista Psicólogo em Goiânia

9 respostas

534 pontuações positivas

Contatar

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

24 MAI 2016

Olá Ana!
Pense rápido? Será que você não está dando uma desculpara para você mesma para não terminar?
Pense quem irá sofrer mesmo?
Pois é bom você pensar mais em você mesma e na minha opinião quanto mais você demora para resolver a sua vida mais, mais tempo de sofrimento desnecessário. Sei que não é fácil, mas quanto mais tarde pior.Aconselho que procure uma ajuda psicológica para resolver isso e vocês viverem mais felizes o quanto antes. A vida muito curta para se apegar na dor, vamos ser feliz hoje!
Abraço Valquiria

Anônimo-284951 Psicólogo em Chapecó

50 respostas

1933 pontuações positivas

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

23 MAI 2016

Bom dia Ana, se puder, procure olhar para dentro de si e tente compreender o que a leva a se preocupar em evitar que outra pessoa sofra, mesmo que para isso você venha a sofrer. Porque o sentimento do outro está em primeiro plano para você, e depois de cuidar do outro você então, se permite cuidar de você. Quero deixar aqui para você duas reflexões a respeito desse seu movimento:
Primeiro, me parece que você parte do princípio que seu namorado é tão frágil que não seria capaz de "dar conta" de seus próprios sentimentos.
E, olhando para o seu lado, ou sente-se tão forte que pode ficar em segundo plano e mesmo assim conseguiria ficar bem (o que não está acontecendo), ou você está com dificuldades de priorizar sua próprias necessidades, prioridades e sentimentos. Qualquer uma das situações, podem estar acontecendo por vários motivos, e por isso mesmo, seria interessante você verificar e trabalhar as suas dificuldades.
Também me parece que existe uma incoerência que ainda nem sequer foi percebida, Veja bem, até hoje você está ressentida por ele não ter sido honesto e transparente com você. Mas, quando está com ele mesmo sem querer estar, também não está sendo honesta e transparente. E me parece que são quesitos importantes para você. Um abraço, espero ter lhe ajudado.

Carpeendi Psicologia Psicólogo em Curitiba

34 respostas

2531 pontuações positivas

Contatar

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

23 MAI 2016

Ola, Ana,
Fazer escolhas fazparte da vida humana.fazemos isso.o tempo todo e slgumas vezes ate mesmo sem perceber.
O termino de um relacionamebto seja em maior ou menor grau traz algum hipo de sofrimento.
Voce fala que nao quer faze-lo sofrer e ao mesmo tempo se diz infeliz ao lado dele.Percebo na sua fala algo contraditorio.
Assim como ele voce tambemmerece ser feliz !
Procure atedimento com uma psicologa que vai lhe ajudar sobre todas essas questoes.

Cristiane Cabreira Psicologia Psicólogo em Florianópolis

38 respostas

2908 pontuações positivas

Contatar

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

23 MAI 2016

É natural que tu te lembres destas situações e sinta mágoa, mas penso que viver a vida que os outros esperam ou viver pelo outros é um peso terrível a ser carregado. Entendo tua preocupação com o sentimento alheio, mas pensar no teu próprio bem-estar é fundamental. Entretanto, existem coisas na vida que parecem ser fáceis de dizer, mas difícil de praticar por isso sugiro que procures ajuda terapêutica para que tu possas ter um espaço para ti, pensar nas tuas questões, de acordo com a tua história e tentar entender porque a tua vontade e o teu desejo ficam atrás do dos outros.

Anônimo-276355 Psicólogo em Passo Fundo

114 respostas

9776 pontuações positivas

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

22 MAI 2016

Olá Ana,

Como você mesma relatou que não está feliz com ele seria interessante você analisar até que ponto você quer continuar nessa situação. Vale lembrar que tudo que fazemos "por obrigação" chega um hora que não conseguimos sustentar, ou seja até quando você vai conseguir viver assim e não buscar a sua felicidade? Ah, uma frase para sua reflexão: Quando a dor de não está vivendo for maior do que o medo da mudança, a pessoa muda. (Freud) Para de auxiliar nesse processo procure um psicólogo da sua região.

Williane Macedo de Aguiar Psicólogo em São Paulo

13 respostas

954 pontuações positivas

Contatar

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

20 MAI 2016

Olá Ana!
Todo término de relação implica em sofrimento emocional, afinal precisamos nos desapegar de alguém que imaginavámos que estariamos sempre juntos. Mas o que me chamou atenção na sua narrativa é que tu disse o quanto ele te ama, que ele quer casar... Mas não falou sobre os teus sentimentos sobre o rapaz.
Me pergunto se é a primeira relação que tens medo de terminar por temer sofrer?!
Meu conselho para ti é procurar um psicólogo para refletir sobre as relações da sua vida!
Abraços

Anna de Lima Estanislau Psicólogo em Florianópolis

46 respostas

3118 pontuações positivas

Contatar

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

Psicólogos especializados em Separação

Ver mais psicólogos especializados em Separação

Outras perguntas sobre Separação

Explique seu caso aos nossos psicólogos

Publique a sua pergunta de forma anônima e receba orientação psicológica em 48h.

50 Você precisa escrever mais 16200 caracteres

Sua pergunta e as respectivas respostas serão publicadas no site. Este serviço é gratuito e não substitui uma sessão de terapia.

Enviaremos a sua pergunta a especialistas no tema, que se oferecerão para acompanhar o seu caso pessoalmente.

A sessão de terapia não é grátis e o preço estará sujeito às tarifas do profissional.

A sessão de terapia não é grátis e o preço estará sujeito às tarifas do profissional.

Coloque um apelido para manter o seu anonimato

Sua pergunta está sendo revisada

Te avisaremos por e-mail quando for publicada

Esta pergunta já existe

Por favor, use o buscador para conferir as respostas

Psicólogos 12550

Psicólogos

perguntas 16200

perguntas

respostas 46350

respostas