Acesso consultório Cadastre grátis seu consultório

​5 dicas para dormir como um bebê

<strong>Artigo revisado</strong> pelo

Artigo revisado pelo Comitê de MundoPsicologos

Cuidar da qualidade do sono é o que vai deixar você bem disposto. O problema é que nem sempre é fácil, se a rotina é uma correria só. Confira algumas dicas que vão ajudar você a mudar!

16 MAR 2018 · Leitura: min.
​5 dicas para dormir como um bebê

A qualidade do sono está diretamente ligada à disposição e energia que uma pessoa tem para enfrentar a sua rotina. Além disso, quem não dorme as horas mínimas necessárias, não consegue descansar o que o corpo exige e tem mais propensão a ter problemas de peso e doenças cardiovasculares, por exemplo.

Por isso, ter um sono profundo e reparador todos os dias é tão importante. Mas o que fazer quando a correria do dia a dia não deixa? Quando o dia parece não ter horas suficientes para fazer tudo aquilo que você precisa? Ou quando você deita na cama para descansar e sua cabeça não para?

Para ajudar você a criar uma rotina de descanso mais eficiente e com qualidade, separamos algumas dicas fáceis de colocar em prática, e que garantem um excelente resultado:

1) Cuide do ambiente de descanso

É importante que o seu quarto seja um ambiente tranquilo, escuro e sem barulho. Você deve evitar qualquer estímulo que desvie sua atenção do sono, como televisão ou o celular.

Pode-se escolher uma fragrância suave para ambientar o quarto, como a lavanda. Ajuda a relaxar corpo e mente.

2) Tome um banho quente antes de dormir

Você conseguirá dois benefícios ao colocar um banho quente na sua rotina antes de dormir. Além de constituir um pequeno ritual, que simbolicamente coloca fim ao esforço e desgaste do dia de trabalho, ele contribuirá para seu relaxamento.

Está cientificamente comprovado que elevar a temperatura corporal durante o banho, cerca de 2ºC, seguido pela queda acentuada da temperatura ao dormir, favorece um sono mais profundo.

shutterstock-558428788.jpg

3) Cuide do seu ritmo

Para que você consiga dormir tranquilamente, como um bebê, é importante diminuir seu ritmo e nível de atividade pelo menos duas horas antes de dormir. As tarefas mais enérgicas ou mentalmente estimulantes devem ser gradativamente substituídas por outras mais passivas: ler livros e revistas, escutar uma música tranquila, meditar…

4) Evite comer antes de dormir

Quando você come e/ou bebe antes de dormir, está fazendo com que o seu corpo esteja centrado no processo de digestão, algo que estimula seu sistema nervoso. O ideal é fazer o lanche ao menos duas horas antes de dormir.

Além disso, é importante estar atento ao que se come, já que o tipo de dieta interfere diretamente na qualidade do sono. Prefira alimentos leves, ricos em triptofano, substância que ajuda a regular os níveis de serotonina, o que contribui para o relaxamento. Alguns exemplos são: aveia, banana, soja, salmão, ovo, amendoim e castanha de caju.

5) Não se force

Parece paradoxo, mas há pessoas que vão para a cama e, sem conseguir dormir, ficam deitadas, virando de um lado para o outro. O pensamento acelera e, de repente, dormir já se converteu em uma atividade estressante e que desperta ansiedade.

O recomendável é respeitar os sinais do seu corpo durante esse processo de criação de uma nova rotina de sono. Há estudos que indicam que 30 minutos deveriam ser suficientes para você desconectar e cair no sono. Se isso não acontecer, melhor levantar e tentar se distrair com alguma atividade tranquila, até que o sono volte.

E se mesmo depois de adotar essas mudanças a insônia persistir, entre em contato com um psicólogo. Ele pode te ajudar a descobrir o que está te impedindo de dormir bem!

Fotos: MundoPsicologos

psicólogos
Linkedin
Escrito por

MundoPsicologos.com

Deixe seu comentário