Acesso consultório Cadastre grátis seu consultório

O que eu faço com o meu irmão?

Feita por >Luiz André Maciel Marques · 5 mar 2015 Terapia familiar

Olá, meu nome é Luiz, eu tenho 19 anos e estou em um grande problema diário. Eu tenho um irmão de 12 anos, e há uns 3 anos ele tem criado vários problemas comigo. O principal é em questão ao meu peso, porque eu estou com sobrepeso. E ele fala coisas e faz atos que me ofendem e chateiam. Alguns deles são:

1. Ele fala: “nossa, quando você vai fazer academia? Olha o seu tamanho!”.

2. "Senta em outra cadeira que essa não aguenta você".

3. "Você já olhou o seu tamanho, nenhum dos meus amigos tem um irmão gordo igual a você".

4. Ele fica olhando toda hora pra minha barriga e fazendo sinal negativo, de que eu como demais e sou gordo.

5. Fala que eu não vou conseguir ninguém porque eu estou enorme e sou gordo.

Esse é o básico do meu problema, e o pior é que ele é diário e me irrita muito e me deixa nervoso e desconcentrado. E quando eu pergunto por que ele faz isso ele diz: “Eu quero só o seu bem!”.

Olha se isso não é loucura. Ele quer o meu bem me humilhando desse jeito? Como eu faço para resolver esse problema?

Obrigado.

Resposta enviada

Em breve, comprovaremos a sua resposta para publicá-la posteriormente

Algo falhou

Por favor, tente outra vez mais tarde.

A melhor resposta

Olá Luiz, é muito difícil que alguém consiga sentir-se bem consigo mesmo se os comentários das pessoas que estão por perto causam tanto efeito. Indico que procure por uma psicoterapia, você poderá aprender a desenvolver a sua autoestima e segurança e assim esses comentários irão se tornando menos pesados e agressivos para você. Além de que com psicoterapia você poderá quebrar esse círculo vicioso de se sentir irritado e humilhado quando seu irmão age dessa forma.

Patrícia Martins Psicólogo em Belo Horizonte

312 respostas

14785 pontuações positivas

Contatar

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

Oi Luiz, realmente é uma situação muita chata, principalmente quando se trata de ser humilhado por alguém da família. No momento procure conversar com seu irmão e fale pra ele sobre como você está se sentindo mal com essa situação. Para melhorar sua auto estima procure um terapeuta que irá te ajudar nesse processo, da relação com o seu irmao, e do resgate de sua auto estima.

Psicóloga Luzinete Vasconcelos Psicólogo em João Pessoa

70 respostas

3651 pontuações positivas

Contatar

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

Olá, Luiz! Li sua pergunta e pensei em algumas coisas. A primeira delas é a seguinte: seu irmão tem 12 anos, nesta idade, no início da vida adolescente, é comum que as questões de imagem corporal sejam de grande importância, assim como tudo aquilo que se relaciona a pertencer ou não a grupos sociais. Dessa forma, é possível que o fato de ter um irmão mais velho que, aos olhos dele, não se adapte aos padrões estéticos estabelecidos por uma sociedade baseada no culto à magreza e ao corpo escultural se apresente como um sinal de que ele próprio não se adequa aos ideais sociais. Claro que, sendo mais maduros, sabemos que isso não faz sentido e não lhe dá o direito de tratá-lo mal, porém, pode ser uma forma de compreendermos o que se passa com seu irmão. Talvez ele nem mesmo se dê conta de como o agride, pois, na realidade, ele mesmo pode estar se sentido intimidado por estar iniciando sua vida social em um mundo onde todos estão igualmente lhe cobrando determinadas características e posturas. De qualquer maneira, esses são os problemas dele e somente podemos supor o que se passa com ele. Contudo, me chama a atenção o seu desconforto diante da situação. É claro que ninguém gosta de ser mal tratado e humilhado, mas a importância que você parece atribuir à opinião de um adolescente de 12 anos pode ser indicativa de que algo não vai bem com a sua auto-estima. Nesse sentido, quem sabe este seja um bom momento para deixar de lado o que o seu irmão acha e refletir sobre qual o olhar que você tem a respeito de si mesmo?

Renata Corbetta Tavares Psicólogo em Florianópolis

11 respostas

203 pontuações positivas

Contatar

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

Recomendo que procure uma terapia o quanto antes. Lá você poderá relatar de maneira mais clara o que acontece na relação sua e do seu irmão, me parece que você tem muito para falar e necessita que alguém te escute com urgência.

Clínica de Psicologia Daniel Rodrigues da Silva Psicólogo em Araraquara

15 respostas

193 pontuações positivas

Fazer terapia online

Contatar

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

Psicólogos especializados em Terapia familiar

Ver mais psicólogos especializados em Terapia familiar

Outras perguntas sobre Terapia familiar

Explique seu caso aos nossos psicólogos

Publique a sua pergunta de forma anônima e receba orientação psicológica em 48h.

50 Você precisa escrever mais 7700 caracteres

Sua pergunta e as respectivas respostas serão publicadas no site. Este serviço é gratuito e não substitui uma sessão de terapia.

Enviaremos a sua pergunta a especialistas no tema, que se oferecerão para acompanhar o seu caso pessoalmente.

A sessão de terapia não é grátis e o preço estará sujeito às tarifas do profissional.

A sessão de terapia não é grátis e o preço estará sujeito às tarifas do profissional.

Coloque um apelido para manter o seu anonimato

Sua pergunta está sendo revisada

Te avisaremos por e-mail quando for publicada

Esta pergunta já existe

Por favor, use o buscador para conferir as respostas

Psicólogos 10600

Psicólogos

perguntas 7700

perguntas

respostas 29000

respostas