Acesso consultório Cadastre grátis seu consultório

Quem pode ter um problema psicológico?

<strong>Artigo revisado</strong> pelo

Artigo revisado pelo Comitê de MundoPsicologos

Muitas pessoas ainda confundem a definição de problema psicológico, acreditando sempre se tratar de um quadro de "loucura" ou similar. Descubra neste artigo o que é e a quem pode afetar.

22 OUT 2015 · Leitura: min.
Quem pode ter um problema psicológico?

Quem nunca ouviu a expressão "é tudo psicológico"? Na maioria das vezes, vem de pessoas que acreditam que um problema que se manifesta no emocional é menos grave. Ou seja, que não há por que se preocupar se não há sintomas ou causas físicas.

Há algo de verdadeiro nesse pensamento? Para desmistificar a definição de problema psicológico e para esclarecer a quem pode afetar e de que formas, preparamos este artigo. Confira as dicas e compartilhe suas dúvidas na seção de comentários.

Mais além do que um exame pode ver

Os problemas psicológicos, assim como os transtornos psiquiátricos, não são identificados com os tradicionais exames de saúde. Você sai para fazer um check up e sai da clínica com um diagnóstico de transtorno psíquico.

A identificação de um problema psicológico demanda uma análise detalhada por parte do profissional, que escuta os relatos e reclamações dos clientes, mas também põe em prática sua capacidade de observação e de análise.

Por isso, muitas pessoas têm dificuldade de acreditar na existência dos mesmos, alegando subjetividade e falta de exatidão. E ainda caem no erro de somente reconhecer a existência da "loucura" ou de "problemas mentais".

Dificuldades no diagnóstico não fazem do problema psicológico, entretanto, algo menos real para quem convive com ele, que pode ser uma criança, um adolescente, um adulto ou idoso.

flickrwok.jpg

A raiz do problema psicológico

Tentar minimizar um problema de fundo emocional não deixa de ser uma falta de respeito com a pessoa que está em sofrimento. A compreensão é sempre útil, já que o primeiro passo para poder avançar é querer ser ajudado.

Em muitos casos, isso não ocorre antes por falta de apoio e estímulo, tanto na família como entre amigos. Um problema psicológico não tratado pode gerar falta de energia, problemas de relacionamento, sintomas como ansiedade, nervosismo e até evoluir para quadros de depressão, compulsão, entre outros.

Quando é preciso buscar um tratamento?

Não há um único caminho, nem uma idade na que começam a aparecer os problemas psicológicos. A verdade é que há pessoas mais sensíveis e outras mais resistentes, o que não quer dizer que as do último grupo também não necessitem de suporte psicológico.

Os especialistas concordam: quanto mais rápida é a intervenção, melhores os resultados. Desta forma, a melhor receita sempre é buscar ajuda quando nos sentirmos prejudicados, seja a nível pessoal ou profissional.

Não há fragilidade em pedir um apoio profissional, ao contrário. Há uma consciência de que todas as pessoas têm limitações e precisam ser direcionadas em determinados aspectos.

Quer agendar uma consulta com um psicólogo especializado? Clique aqui e filtre os resultados por localidade, para conseguir um profissional mais próximo de você.

Fotos (ordem de aparição): por @boetter e wok (Flickr)

psicólogos
Linkedin
Escrito por

MundoPsicologos.com

Deixe seu comentário
1 Comentários
  • liliana silva

    preciso antes de ter tomar a decisao errada

últimos artigos sobre psicoterapias