MundoPsicologos.com
MundoPsicologos.com
No Google Play Na App Store

Tenho ciúmes de meu marido e isso tem atrapalhado nosso casamento. O que fazer?

Feita por >Anonimo 13>. 3 Mai 2016 8 respostas  · Terapia de casal

Meu nome é Leticia, tenho 26 e estou em relacionamento há pouco mais de três anos. Tenho muito ciúmes de uma pessoa com a qual ele teve uma pequena relação e isso tem atrapalhado muito. Eles tiveram somente três encontros e não continuaram devido a uma mudança em função de trabalho.

Começamos a sair e tudo estava indo bem quando ele me disse que a gente não podia mais continuar, pois ainda sentia muita saudade dela. Fiquei super chateada e ficamos mais de cinco meses sem se ver e sem se falar. Depois disso, retomamos os encontros e começamos a namorar sério. Quatro meses depois de iniciar o namoro encontrei uma foto dele com ela e o pedi para apagar. Ele dizia que era passado e que não ia apagar. Brigamos, ficamos uma semana sem nos ver e o pedi para que a excluísse também de uma rede social.

Continuamos o relacionamento, só que durante todos esses anos nossas brigas tem a ver com essa garota e isso tem cansado nossa relação. Há sete meses vi que ele havia feito várias consultas à página de rede social dela. Fiquei super chateada queria terminar o namoro por causa disso. Ele chorou, pediu desculpas disse que não significava nada, que não passava de uma curiosidade.

Pouco tempo depois ele recebeu uma transferência do trabalho pra ir morar na mesma cidade dela. Bem, meu mundo desabou e pensei que seria o fim do nosso relacionamento, pois não ia conseguir manter o namoro a distancia sabendo que ele ia estar perto dela. Mas foi quando ele me pediu em casamento e me chamou pra vir com ele. Deixei emprego, família e mudei de cidade com ele. Como o processo da mudança foi rápido, deixamos pra casar na nova cidade. Apesar dele estar se esforçando pra ser um bom marido, eu ainda sinto muito insegura pelo fato dela estar tão perto. Para piorar, ela voltou a tentar contato.

E apesar dele não responder fico me sentindo insegura, pois já o peguei mentindo pra mim outras vezes em relação a essa história. Me sinto muito angustiada com isso tudo e não sei o que fazer, pois acabo brigando com ele. Estou em fase de adaptação, sem emprego, se, amigos e sem família por perto. Estávamos programando pra dar entrada no nosso casamento, mas ele disse que primeiro tenho resolver essa insegurança. Me chamou pra fazermos uma terapia de casal. Mas não sei se essa é a melhor opção. Gostaria de opiniões o que devo fazer.

casamento , angustiada

A melhor resposta

Talita, bom dia. Ao contrário do que muitas pessoas pensam, o ciúme não é originado por meio de uma pessoa possessiva, segura e autoritária; o ciúme é apresentado por diversas razões, dentre elas por uma pessoa insegura, extremamente receosa de passar por estados de frustrações e medo de ter alguma perda, especificamente conjugal. Eu sugiro que procure um tratamento psicológico o quanto antes, para que teus estados de vulnerabilidade no que concerne à confiança/segurança em você mesma seja reconstruída. espero ter ajudado.

A resposta foi útil a você?

Sim Não

Obrigado pela sua avaliação!

Prezada Letícia, o ciúmes não está relacionado à duração do outro relacionamento que seu namorado teve, está dentro de você. Você abriu mão de tudo, emprego, família, amigos para se assegurar que, com você por perto, ele não teria contato com ela. Se ele a chamou para fazer terapia de casal é um grande indicativo de que ele também sente a necessidade de entender essas questões. Experimente e no próprio processo a terapia indicará se é um caso para atendimento de casal ou individual e você se sentirá confortável. Abraços

A resposta foi útil a você?

Sim Não

Obrigado pela sua avaliação!

10 MAI 2016

Logo Regina Figueiredo Psicologia & Coaching Regina Figueiredo Psicologia & Coaching

53 respostas

2034 pontuações positivas

Letícia boa tarde, a terapia de casal pode dar bons resultados no relacionamento. O fato de ter sido proposto por ele demonstra interesse em investir na relação, aproveite esta abertura que poderá proporcionar esclarecimento de fatos e fortalecer a comunicação de vocês.

A resposta foi útil a você?

Sim Não

Obrigado pela sua avaliação!

5 MAI 2016

Logo Psicóloga Alcimar Lopes Gonçalves Psicóloga Alcimar Lopes Gonçalves

4 respostas

304 pontuações positivas

Leticia. Seria bom voce aceitar num primeiro momento fazer terapia de casal.O ciumes acontece quando nos sentimentos ameacados ou passando por momebtos de frustacao, desencorajamento em algum momento da vida.
Vejo que voce ja fez algumas concessoes na tentativa de manter o relacionamento. Procure apoio com um profissiinal pra falar de forma mais profunda todas as dificuldades.

A resposta foi útil a você?

Sim Não

Obrigado pela sua avaliação!

5 MAI 2016

Logo Cristiane Cabreira Psicologia Cristiane Cabreira Psicologia

38 respostas

2899 pontuações positivas

Sim entendo, deve sim ir procurar psicoterapia indivual primeiro. Depois de casal. Realmente eles podem ser amigos, ter ficado um carinho grande. Creio que se não há certeza de nada, as dúvidas atrapalham, não deve haver casamento com duvidas que por sua vez não são imaginárias...sabemos que nossa intuição as vezes tenta nos alertar...boa sorte!

A resposta foi útil a você?

Sim Não

Obrigado pela sua avaliação!

5 MAI 2016

Logo Clínica de Bem Estar Clínica de Bem Estar

210 respostas

13943 pontuações positivas

Boa noite!
Segundo seu relato, oriento que busque atendimento psicológico, para que possa falar mais sobre suas questões e insegurança. Possivelmente pode ter relação com algo em sua vivência e história de vida.
Fico a disposição!

A resposta foi útil a você?

Sim Não

Obrigado pela sua avaliação!

5 MAI 2016

Logo Jessica Moreira Carvalho Jessica Moreira Carvalho

170 respostas

8362 pontuações positivas

Talita, bom dia! O ciúme é uma demonstração de dedicação ao amor que precisa ser administrada e compreendida por cada um. Este pode vir pela interpretação de falta de confiança no sentimento do outro, que é transformada em medo de perder o parceiro, por isso é importante que ambos conheçam suas fronteiras que impactam a relação, seja dos valores, do corpo, da forma de se expressar... Em uma relação afetiva é importante que ambos conheçam suas fronteiras que impactam a relação, seja dos valores, do corpo, do toque, da forma de se expressar... Tem fronteiras que são os limites da mudança, mas tem outras intrínsecas as quais, não são possíveis de mudar, somente negociar para amenizar ou encontrar junto o melhor momento de adaptar-se. Relacionamento é negociação e muita conversa. Na terapia de casal é preciso que ambos estejam dispostos a ouvir e se entregar na busca da reconciliação conjugal saudável através de novos comprometimentos de cada um, e uma reconciliação de ânimo para manter o relacionamento e a vida sexual. É claro que não há uma resposta ou solução única para todos os casos, mas existem profissionais que podem ajudar neste processo através da terapia individual ou mesmo de casal, caso vocês se sintam a vontade em fazer. Estou à sua disposição, caso precise de acompanhamento psicológico ou para maiores esclarecimentos. Abraços, Danielle Almeida

A resposta foi útil a você?

Sim Não

Obrigado pela sua avaliação!

4 MAI 2016

Logo Danielle de Almeida Danielle de Almeida

353 respostas

15165 pontuações positivas

Olá Letícia, me parece, pelo seu relato, que essa situação está realmente trazendo bastante sofrimento para você, para ele e para a relação de vocês. Também fica claro que os dois estão dispostos a fazer algo em favor da relação, o que é um ótimo sinal, ficar juntos é importante para os dois. Se você tem dúvidas sobre fazer uma terapia de casal neste momento, porque não tenta uma terapia individual? Vá em busca de resolver aquilo que mais lhe aflige, a sua insegurança, o medo que sente de perder essa relação. A insegurança é sua, o medo é seu, só você pode resolvê-los. Procure ajuda com um profissional. Com relação ao seu namorado, diga a ele como pode lhe ajudar nesse momento, o que você espera dele agora. Acredito que assim que você entrar em ação para resolver essa situação conflitiva, irá começar a se sentir melhor. Confie em você e mude sua atitude interna para por mudar a externa.

A resposta foi útil a você?

Sim Não

Obrigado pela sua avaliação!

4 MAI 2016

Logo Carpeendi Psicologia Carpeendi Psicologia

34 respostas

2506 pontuações positivas

Perguntas similares

Ver todas as perguntas
Casamento, ciúmes, mágoas e amigas do marido...

3 respostas, última resposta em 30 Setembro 2017

Ciúmes atrapalha?

3 respostas, última resposta em 09 Janeiro 2018

Sogra e cunhadas atrapalham meu casamento

6 respostas, última resposta em 11 Outubro 2016

Sou muito insegura e isso está atrapalhando meu casamento

10 respostas, última resposta em 01 Setembro 2016

Desejo por minha cunhada tem atrapalhado meu casamento

4 respostas, última resposta em 12 Julho 2016

O que devo fazer com o meu casamento?

2 respostas, última resposta em 24 Maio 2019

O que fazer para mãe não se meter no meu casamento?

2 respostas, última resposta em 02 Fevereiro 2017