Acesso consultório Cadastre grátis seu consultório

Problemas com a ex do meu marido

Feita por >Jaque · 29 mar 2020 Habilidades sociais

Estou casada a dois anos e tenho três filhos do meu casamento anterior. Meu marido tem um filho de quase quatro anos de idade do relacionamento anterior ao nosso. A ex dele é uma pessoa extremamente complicada e usa a criança como objeto de vingança pelo falto de ele não estar mais com ela. Desde o início do nosso relacionamento, quando o filho dele ainda era bem pequeno, observamos alguns traços do comportamento dele e até hoje desconfiamos que meu enteado tenha algum grau de autismo, digo isso pela minha experiência como educadora a mais de 20 anos e como mãe, pois começou a falar com quase 3 anos de idade, não interage bem com outras pessoas inclusive crianças, não consegue estabelecer um diálogo, tem extrema seletividade alimentar e dificuldades para dormir, além de alterações de humor inesperadas seguidas de ataques de birra. Isso acontece quando ele está conosco ou com a mãe dele. Meu marido nunca conseguiu conversar abertamente com a ex dele sobre essas coisas, pq ela simplesmente não aceita que o filho possa ter alguma necessidade que precise de uma intervenção especial. Porém temos limitações em procurar ajuda e acompanhamento médico para ele, pois a mãe restringe muito o contato do pai com o filho.
Recentemente meu marido entrou na justiça para ter o direito de que o seu filho dormisse conosco em finais de semana alternados e ganhou esse peito na justiça. A entrada na justiça foi o último recurso, pois a mãe não permitia que a criança dormisse conosco de jeito nenhum. Isso fez com que ela ficasse ainda mais furiosa. Porém a gente só tem acesso ao garoto nos dias determinados pela justiça. Então, até se quisermos marcar uma consulta médica ou algo do tipo não conseguimos pq não podemos pegar a criança sem ser nos finais de semana determinados. Se meuatido tentar pegar ele em algum dia diferente, ela diz que ele só pode pegar nos dias que a justiça determinou.
O problema é que depois que o filho dele começou a passar os finais de semana conosco, todas as vezes que devolvemos o garoto, ela faz queixas, diz que entregamos o menino com fome, com a pele irritada, insinua que alguém pode ter batido nele ou algo do tipo e meu marido para não criar confusão com ela apenas escuta e não rebate. Isso tem me deixado muito angustiada e chateada, pois quando o meu enteado está conosco, todos nós nós voltamos para tratá-lo da melhoras forma possível. Meus três filhos são apaixonados por ele, até parece que todos os quatro são irmãos de sangue e o filho dele age da mesma forma com meus filhos. Ele se dão muito bem, graças a Deus!
Porém me incomoda muito todas as vezes escutar gracinhas e provocações por parte da mãe do garoto e ficar passiva , isso pq ela nunca falou comigo, sempre solta gracinhas para o meu ex.
Conversei com ele sobre como me sentia e como a postura dele me incomoda e ele disse que se eu estiver incomodada, eu que ligue pra ela e a coloque no lugar, pois ele não vai perder seu tempo com isso. Isso acabou comigo! Me sinto muito mal com essa situação. Por favor me ajudem! Não sei o que fazer! Estou pensando até em deixá-lo, apesar de nos darmos bem. Me entristeço pq eu sei que tenho dado o meu melhor em relação ao meu enteado e sei que ela fala essas coisas para insinuar que somos irresponsáveis! Isso está acabando cmg! Me ajudem, por favor!
Eu não sei como agir.

Resposta enviada

Em breve, comprovaremos a sua resposta para publicá-la posteriormente

Algo falhou

Por favor, tente outra vez mais tarde.

Psicólogos especializados em Habilidades sociais

Ver mais psicólogos especializados em Habilidades sociais

Outras perguntas sobre Habilidades sociais

Explique seu caso aos nossos psicólogos

Publique a sua pergunta de forma anônima e receba orientação psicológica em 48h.

50 Você precisa escrever mais 8650 caracteres

Sua pergunta e as respectivas respostas serão publicadas no site. Este serviço é gratuito e não substitui uma sessão de terapia.

Enviaremos a sua pergunta a especialistas no tema, que se oferecerão para acompanhar o seu caso pessoalmente.

A sessão de terapia não é grátis e o preço estará sujeito às tarifas do profissional.

A sessão de terapia não é grátis e o preço estará sujeito às tarifas do profissional.

Coloque um apelido para manter o seu anonimato

Sua pergunta está sendo revisada

Te avisaremos por e-mail quando for publicada

Esta pergunta já existe

Por favor, use o buscador para conferir as respostas

Psicólogos 10750

Psicólogos

perguntas 8650

perguntas

respostas 30050

respostas