MundoPsicologos.com
No Google Play Na App Store

Por que sempre quero me matar?

Feita por >Carla Cristina>. 26 Set 2017 18 respostas  · Depressão

Ultimamente sinto essa vontade o tempo todo. Isso fica martelando na minha cabeça, que não sou boa o suficiente, que não sou útil pra nada,nem pra ninguém, que não faço diferença estando aqui. Eu sei que sou importante pra minha família mais ao mesmo tempo que sei disso eu sinto como se tirar minha vida fosse a coisa certa a se fazer. Já tomei vários remédios mais não aconteceu nada demais. Fico pensando em pegar uma faca e me cortar toda, minha mão chega a tremer de ansiedade pra tirar logo essa dor profunda da minha cabeça. Eu não quero morrer, mais se a única solução pra afastar essa dor de inutilidade for o suicidio, eu vou fazer.

família , vida

A melhor resposta

Boa tarde Carla,

A angústia transborda em seu relato. Imagino o quão forte estes pensamentos oportunistas estão. Por isso te parabenizo por se abrir e pedir ajuda aqui pra gente. Sugiro que busque um terapeuta na sua cidade e reflita com ele de onde vem estes pensamentos, para poder ressignifica-los.

Estou a disposição

Elisa Lengler

A resposta foi útil a você?

Sim Não

Obrigado pela sua avaliação!

Boa noite Carla, eu consigo imaginar o seu sofrimento. Por vezes, podemos pensar que a única solução é parar de viver, porém às vezes nós precisamos de ajuda para enxergar outros caminhos possíveis. Eu recomendaria que você entrasse em contato com algum psicólogo para iniciar um processo de psicoterapia que poderá te ajudar a compreender melhor suas questões e que também procurasse um psiquiatra para te acompanhar e te receitar algum medicamento, se necessário. Existe um número da CVV (Centro de Valorização à Vida) que disponibiliza atendimento telefônico 24hrs e é especializado na prevenção do suicídio. Me coloco a disposição.

A resposta foi útil a você?

Sim Não

Obrigado pela sua avaliação!

28 SET 2017

Logo Manuela Steinmeyer Psicologia Manuela Steinmeyer Psicologia

8 respostas

603 pontuações positivas

Boa Noite!
Procure uma terapia, assim poderá lhe ajudar a entender o porquê deseja tirar sua vida e mostrará meios para você substituir essa vontade ou saber lidar com isso de forma dominante.
Não deixe de buscar terapia...ajuda e ajuda.

A resposta foi útil a você?

Sim Não

Obrigado pela sua avaliação!

28 SET 2017

Logo Psicóloga e Psicopedagoga Fernanda Moura Psicóloga e Psicopedagoga Fernanda Moura

11 respostas

754 pontuações positivas

Boa noite, Carla Cristina,

Que bom que procurou algum lugar para pedir ajuda, espero que a resposta de todos aqui faça diferença.

É comum ouvirmos relatos de pacientes tomados por um sentimento de vazio, acompanhado de uma completa falta de esperança em relação ao futuro. Recorrentemente estes se encontram com laços precários com o outro ou completamente ausentes, experimentando uma solidão e sofrimentos intensos. Diante de tanto sofrimento e impotência perante seus sentimentos, o pensamento suicida surge como uma espécie de saída para tal dificuldade.

O que me chamou atenção no seu relato foi a gravidade, já que você, além de pensar em suicídio, já planejou e o executou, isso é muito grave! A boa notícia é que há tratamento para tal, e neste momento é muito importante que seja acompanhada, também, por um médico psiquiatra. Caso já esteja em acompanhamento, sugiro relatar isso ao profissional.

O acompanhamento psicólogico é fundamental no seu caso também, já que você já demonstrou interesse e abertura, vindo aqui e se abrindo. Seria interessante ter algum momento em que possa fazer isso para um profissional que possa te escutar com mais atenção e pensar junto contigo formas de encarar esta dificuldade que são tão críticas e dificeis quando as encaramos sozinhas.

Deixo aqui, também, o telefone 141, do Centro de Valorização da Vida ( CVV ). Serviço 24h , gratuito e sigiloso, importantes para momentos críticos.

Lembrando que nada substitui o tratamento contínuo com profissionais de saúde mental especializados.

Um abraço,

Danilo Tubbs

A resposta foi útil a você?

Sim Não

Obrigado pela sua avaliação!

28 SET 2017

Logo Danilo Guarnieri Danilo Guarnieri

3 respostas

562 pontuações positivas

Olá, Carla. Essa voz na sua mente que lhe diz coisas horríveis pode ser chamada de juiz internalizado ou pai/mãe internalizado. Quando na infância somos repreendidos ou criticados, alguns de nós começamos a imitar os nossos pais e damos o início ao hábito de nos julgarmos e nos criticarmos severamente, na esperança de sermos amados, sendo sempre perfeitos. Essa voz parece nos vigiar e criticar 24 horas por dia. É terrível e angustiante. Sei como você se sente. É possível desativarmos essa voz, que é semelhante a um programa de computador na nossa mente. Lutar sozinha é muito difícil e árduo. Busque ajuda de um psicólogo. Se você quiser, estou à disposição.
Cecília Sakai
Psicóloga

A resposta foi útil a você?

Sim Não

Obrigado pela sua avaliação!

28 SET 2017

Logo Cecilia A. Sakai Cecilia A. Sakai

12 respostas

622 pontuações positivas

Carla Cristina, o sofrimento e a dor que se formaram em vc é proporcional ao quanto vc também busca entender os motivos deste "sempre querer" a mesma coisa. Seu processo psicoterapêutico poderá contribuir muito para vc " querer-viver" melhor.Estou a disposição.

A resposta foi útil a você?

Sim Não

Obrigado pela sua avaliação!

28 SET 2017

Logo Psicóloga Suely Poitevin Psicóloga Suely Poitevin

11 respostas

740 pontuações positivas

Boa noite, cada ser ser humano é único e importante. Tenho certeza de que você não é uma pessoa inútil. Você precisa muito de ajuda, procure um psicólogo. Se você for do RJ, estou à disposição. Um abraço.

A resposta foi útil a você?

Sim Não

Obrigado pela sua avaliação!

28 SET 2017

Logo Psicóloga Milena Puga Psicóloga Milena Puga

60 respostas

1131 pontuações positivas

Carla Cristina!

Há muito o que conhecer de você porém, conforme seu relato, o que você deseja não é "não viver mais" e sim "não viver mais desta forma".
Por isso, seria muito importante iniciar um processo de psicoterapia para que consiga resignificar sua existência, buscar sentidos e motivos para sua vida.
Pense em sua responsabilidade em estar viva e o que pode fazer. Tudo que tem a realizar, mesmo que por vezes sejam caminhos sofridos e dolorosos, é vida!

Não deixe de procurar ajuda.

Michelle Metzler

A resposta foi útil a você?

Sim Não

Obrigado pela sua avaliação!

28 SET 2017

Logo Michelle Metzler Michelle Metzler

13 respostas

513 pontuações positivas

Oi Carla Cristina,

Eu sinto muito saber que você esteja essa tristeza tão intensa e imagino o peso enorme que você sinta, porém como você mesma disse, pra sua família você tem imensa importância.

O que você quer eliminar como você mesma mencionou é essa dor dentro de você, o sofrimento. Procure ajuda para combater essas emoções tão dolorosas, para que você mate a dor e não deixe a dor te matar.

Procure ajuda de um amigo se alguém que você confie for atencioso, mas talvez numa situação extrema seja necessário buscar um atendimento profissional o quanto antes possível.

Lembre-se que todos nós podemos traçar projetos de vida e metas, sempre olhando daqui para frente e que a vida não e jamais será um linha estática no tempo, mas uma montanha russa de extremos altos e baixos.

Espero que você fique bem logo.

Sinceramente,
Marilles Farias
Rio de Janeiro RJ

A resposta foi útil a você?

Sim Não

Obrigado pela sua avaliação!

28 SET 2017

Logo Marilles Farias Marilles Farias

4 respostas

505 pontuações positivas

Olá Carla!!
Essas questões negativas que estão borbulhante na sua mente poderão claramente serem trabalhadas com ajuda de um profissional para que consiga visualizar novos ângulos que amenize essa tormenta.
Sempre que precisar procure ajuda.
Abraços.
Maria Lúcia

A resposta foi útil a você?

Sim Não

Obrigado pela sua avaliação!

27 SET 2017

Logo LC Terapias LC Terapias

45 respostas

2594 pontuações positivas

Parabéns por divulgar a sua angustia, sua aflição conosco; já é um grande passo você está aberta para falar sobre esse conflito e buscar ajuda. Procure um terapeuta na sua região que certamente ele irá ajudá-la a superar essa fase. Pense em toda uma vida que você tem pela frente, quanta coisa bacana você ainda pode fazer.

A resposta foi útil a você?

Sim Não

Obrigado pela sua avaliação!

27 SET 2017

Logo Katia Santos Katia Santos

1 resposta

489 pontuações positivas

Olá Carla,
Você precisa perceber que você não é seus pensamentos e que pode desafiá-los. Procure ajuda especializada urgentemente. Veja um psicologo mais próximo a você e boa sorte.

Estou a disposição

Kaliny Oliveira!

A resposta foi útil a você?

Sim Não

Obrigado pela sua avaliação!

27 SET 2017

Logo Psicóloga Kaliny Oliveira Psicóloga Kaliny Oliveira

31 respostas

590 pontuações positivas

Parar a dor, é tudo que você quer. A grande questão é porque vem a dor?
Primeiro, se a idéia de suicídio vem o tempo todo, você precisa procurar um psiquiatra para tomar uma medicação e paralelo a isso você deve fazer psicoterapia.

A resposta foi útil a você?

Sim Não

Obrigado pela sua avaliação!

27 SET 2017

Logo Fernanda Veronesi de Menezes Fernanda Veronesi de Menezes

548 respostas

4358 pontuações positivas

Olá Carla Cristina!
Certas ocasiões, ou mesmo situações nos apresentam desafiantes formas de lidar com a própria vida. Para todos acontecimentos que enfrentamos, sempre há alternativas construtivas a serem escolhidas. Ao descrever seus sentimentos aqui já demonstra o interesse de se posicionar diante deste incômodo que parece infindável. Você não deseja morrer, como afirma, e se me permite, pelo contrário, demonstra vontade de enfrentar este desafio que está diante de você! Na medida do possível, escolha uma ferramenta ao seu alcance que se sinta forte o suficente para enfrentar esse delicado momento, a iniciar pelo seu empenho aqui demonstrado. Outra ferramenta e oportunidade é a busca de um profissional de saúde que te favoreça caminhos mais humano e autêntico nesta fase que se encontra. Demonstrou iniciativa proativa neste primeiro passo de identificar o sentimento e de expor sua demanda.

A resposta foi útil a você?

Sim Não

Obrigado pela sua avaliação!

27 SET 2017

Logo Psicólogo Tiago José Psicólogo Tiago José

179 respostas

2246 pontuações positivas

Olá Carla
Olha essas ideias não são suas. Não dê ouvidos a elas. Faça qualquer coisa, ligue pra um amigo. Fale com alguém, não fique sozinha. Procure ajuda profissional urgente.
Se precisar pode entrar em contato.
Boa sorte

A resposta foi útil a você?

Sim Não

Obrigado pela sua avaliação!

27 SET 2017

Logo Maria da Conceição Vasconcelos Gioia Maria da Conceição Vasconcelos Gioia

392 respostas

8031 pontuações positivas

É muito importante que você busque ajuda profissional urgente, em seu relato parece existir um pensamento obsessivo, que é diferente de uma ideação suicida propriamente. Você tem a clareza do seu valor e o quanto representa para a sua família e de que isso não faz sentido no seu contexto de vida, porém uma ansiedade impulsiona esse pensamento. É muito importante que você busque um psiquiatra com máxima urgência e ajuda psicoterapêutica também, se possível que tenha suporte na Terapia Cognutivo Comportamental. Também aconselho que, diante da consciência que você possui da existência desses pensamentos, que o divida também com um familiar, para que você possa ser assistida e acolhida com essa compreesão da sua dor, não guarde isso sozinha e se possível nesse momento enquanto a medicação não está atuando, evite momentos que favoreçam a expansão desses pensamentos, como por exemplo ficar sozinha nos locais que se sente mais impulsionada.
Desejo que a vida seja sua meta sempre, na certeza de que apesar da dor o amanhã está a nossa frente e continuaremos lutando! Você ficará bem com a ajuda profissional e apoio da sua família!

A resposta foi útil a você?

Sim Não

Obrigado pela sua avaliação!

27 SET 2017

Logo Tereza Maria C. S. de Lima Tereza Maria C. S. de Lima

1 resposta

508 pontuações positivas

Olá carla!
Seu relato vem carregado de angústia e uma tristeza profunda.
É importante que você busque um psicólogo, para que você possa identificar quais crenças te levam a se sentir sem utilidade e assim poder ressignificar o sentido da vida, bem como todos esses sentimentos que geram tanta angústia e dor.
A dor quando compartilhada com alguém preparado para ouvir e acolher se torna menos árdua!
Procure um psicólogo na sua cidade.

Estou a disposição!

A resposta foi útil a você?

Sim Não

Obrigado pela sua avaliação!

27 SET 2017

Logo Nathália N. Garcia Nathália N. Garcia

1 resposta

510 pontuações positivas

Olá Carla Cristina!

Antes de qualquer coisa, quero que saiba que é muito importante você encontrar alguém para poder colocar suas angustias, que posso ver que são muitas e principalmente muito fortes, para fora e assim poder ser ajudada a se reencontrar e ressignificar tudo que está confuso ou lhe perturbando.
Você falou que já tomou remédios, é importantíssimo que você não pare a medicação, que só faz efeito depois de duas semanas normalmente, e se você para de uma hora para outra pode potencializar essa angústia que você relatou Carla.
Também veja com seu psiquiatra o que está acontecendo com a medicação que você está tomando, só assim ele vai poder regular a dosagem ou até trocar a medicação, mas entre em contato com ele e diga tudo que está acontecendo. Junto com o tratamento psiquiátrico é fundamental fazer uma terapia, só com as duas práticas juntas, no seu caso, é que as coisas melhorarão.

Estou a disposição e espero ter ajudado um pouco Carla.
Um Abraço

Marcelo H Melo

A resposta foi útil a você?

Sim Não

Obrigado pela sua avaliação!

27 SET 2017

Logo Marcelo H. Melo Psicólogo Marcelo H. Melo Psicólogo

18 respostas

777 pontuações positivas

Perguntas similares

Ver todas as perguntas
Sinto stress e ódio das pessoas, sempre penso em matar

5 respostas, última resposta em 06 Abril 2017

Quero me matar

1 resposta, última resposta em 30 Agosto 2018

Quero me matar todos os dias e estou em um labirinto sem saída

8 respostas, última resposta em 24 Fevereiro 2018

Eu queria saber como deixar de lado a vontade de se matar?

3 respostas, última resposta em 27 Outubro 2017

Eu quero me matar, alguém pode por favor conversar comigo?

29 respostas, última resposta em 14 Outubro 2017

Ser grossa quase sempre e sem querer, é uma característica imutável?

1 resposta, última resposta em 02 Novembro 2018

Suicídio, matar a mãe e vozes

3 respostas, última resposta em 01 Março 2018