Acesso consultório Cadastre grátis seu consultório

Não sei qual o meu problema, alguém me ajuda?

Feita por >Leonardo em 8 Out 2019 Desenvolvimento pessoal

To com dificuldades de sentir... às vezes não sei quem eu sou.... me sinto um tanto perdido as vezes....
não sei se tenho emoções e nem sentimentos
Pareço não sentir nada pela vida... como se tudo fosse sem graça e eu apenas estivesse de passagem na vida... não sei se tenho pessoas q me amam... me sinto sozinho, sem amigos e alguém que eu tenha uma conexão emocional
Parece que reprimo meus sentimentos e fico guardando dentro de mim... toda alegria, tristeza, raiva....não sei mais o que fazer e como resolver isso. Às vezes sinto um aperto no meu coração....não me comovo com muitas coisas, principalmente se elas têm sentimentos de tristeza... alegria...ou raiva não consigo entender mais esses sentimentos e emoções. Não sei muitas vezes o que sinto dentro de mim... já senti angústia e um pouco de vontade de chorar mas parece que entala na garganta, causando às vezes até uma vontade de vomitar... e meu corpo reprime na hora o que estou sentindo e volto a ser totalmente racional... parece que engolindo e não deixando o sentimento e emoção sair para fora do meu corpo. Se alguém vem e me fala que me ama ou algo do genero eu fico meio sem reação e posso até falar de volta que amo a pessoa... mas parece que apenas é da boca pra fora... e sem sentimentos... sinto também que muitas vezes tenho dificuldade de discernimento e concentração em alguma conversa com alguém.

Resposta enviada

Em breve, comprovaremos a sua resposta para publicá-la posteriormente

Algo falhou

Por favor, tente outra vez mais tarde.

A melhor resposta

Olá Leonardo! A grande a maravilhosa solução das questões assemelhadas às suas, apresenta um início um pouco difícil, mas sempre gera resultados. Vou ilustrar com uma analogia. Quando vou para a Alemanha sem conhecer nenhuma palavra de Alemão, sinto-me, nos primeiros tempos, desconfortável, depois descubro que tanto eu quanto as pessoas alemãs, nos esforçamos por nos entender e, gradativamente vou aprendendo algumas palavras que aumentam, no dia-a-dia,e começo a ficar mais tranquilo. O exercício social com persistência trará certamente a sua troca mais significativa com as pessoas. Não se isole, não se reprima; administre a escolha da profundidade das falas, conforme o respeito que o ouvinte for capaz de te oferecer. Um abraço: Ary Donizete Machado.

Ary Donizete Machado Psicólogo em Limeira

678 respostas

295 pontuações positivas

Contatar

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

Ei Leonardo! Você relata sintomas de não conhecimento de si mesmo, angustia do que sente e pensa, como crise de identidade e aceitação - autoestima e autoconhecimento. Indico que procure um psicólogo para tratar questões pessoais, sentimentais e sociais.

Keller Regianne Paiva Fazzolo Silva Psicóloga Psicólogo em Belo Horizonte

2 respostas

Contatar

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

Leonardo tudo bem?
Quando sozinhos não conseguimos nos ajudar é necessário procurar um profissional para lhe direcionar nessa sua fase.


Att

Psicóloga Natalia Martins Psicólogo em São Paulo

239 respostas

5113 pontuações positivas

Contatar

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

Boa noite Leonardo, você explica seus sentimentos e como é não senti-los, isso é bom, agora sugiro que, procure uma terapia para trabalhar essas questões, seu corpo e sua mente tentam se comunicar, mas tudo está em um processo que você no momento não dá conta de tudo sozinho, procure ajuda, faça uma consulta com um psiquiatra para avaliar o seu estado geral e, após um clinico para exames de laboratório e verificação de doenças do coração, mas Leonardo não deixe de procurar tratamento para que você consiga sentir emoções e sentimentos.

Eliane Weber Psicólogo em Salvador

383 respostas

642 pontuações positivas

Contatar

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

Oi Leonardo,
Meu nome é Daniela Martins e sou psicologia. Tentarei te ajudar, ok?

Bom, você fala em alguns momentos que não tem “sentimento” e que apresenta “ausência dele”, mas leia o que escreveu:

sinto um tanto perdido as vezes
me sinto sozinho
sinto um aperto no meu coração

Olha quantos sentimentos: perdido, sozinho, aperto. Porém, você escreve que:

Parece que reprimo meus sentimentos e fico guardando dentro de mim...
senti angústia e um pouco de vontade de chorar mas parece que entala na garganta

Vamos pensar um pouco a respeito do que escreveu:
1. Existem sentimentos dentro de vocês? (sente tristeza, solidão, medo, raiva?)
2. O que você faz com esse turbilhão de sentimentos? (Guardar aí dentro? Fala sobre eles? Finge que eles não existem?)
3. Existe algum motivo para guardar seus sentimentos? (Medo de magoar alguém? Receio de ser visto como uma pessoa fraca? Medo de ser rejeitado?)
4. Guardar tantos sentimos pode gerar sofrimento? ( imagine que dentro de você exista um latão de lixo e que dentro dele você guarde toda a tristeza, a raiva, a angústia, o medo... O que vai acontecer depois de um tempo? Será que esse latão vai explodir?)
5. O que tem gerado esses sentimento? Qual situação tem vivido que gera a tristeza, a raiva, a solidão?

A terapia serve para você entender o seu comportamento, para entender o motivo de agir de determinado jeito e buscar alternativas pra mudar em você, aquilo que gera sofrimento.


Espero ter ajudado.

Melhoras!
Daniela Martins

Psicóloga | CRP-01 11.632

Psicóloga Daniela Martins Psicólogo em Brasília

15 respostas

9 pontuações positivas

Contatar

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

Psicólogos especializados em Desenvolvimento pessoal

Ver mais psicólogos especializados em Desenvolvimento pessoal

Outras perguntas sobre Desenvolvimento pessoal

Explique seu caso aos nossos psicólogos

Publique a sua pergunta de forma anônima e receba orientação psicológica em 48h.

50 Você precisa escrever mais 6300 caracteres

Sua pergunta e as respectivas respostas serão publicadas no site. Este serviço é gratuito e não substitui uma sessão de terapia.

Enviaremos a sua pergunta a especialistas no tema, que se oferecerão para acompanhar o seu caso pessoalmente.

A sessão de terapia não é grátis e o preço estará sujeito às tarifas do profissional.

A sessão de terapia não é grátis e o preço estará sujeito às tarifas do profissional.

Coloque um apelido para manter o seu anonimato

Sua pergunta está sendo revisada

Te avisaremos por e-mail quando for publicada

Esta pergunta já existe

Por favor, use o buscador para conferir as respostas

Psicólogos 10150

Psicólogos

perguntas 6300

perguntas

respostas 27550

respostas