Acesso consultório Cadastre grátis seu consultório

Meu filho de 10 anos está roubando dinheiro dentro de casa

Feita por >linda · 20 nov 2014 Ludoterapia

Eu estou desesperada, meu filho de 10 anos tem um desvio de comportamento. Desde os 3 anos ele me dá muito trabalho em casa e na escola e agora está dando para rouba dinheiro em casa, já bati deixei de castigo e fico no pé dele o tempo todo para ver as companhias que ele anda são criança normais ele que é o problema mesmo... me ajuda!

Resposta enviada

Em breve, comprovaremos a sua resposta para publicá-la posteriormente

Algo falhou

Por favor, tente outra vez mais tarde.

A melhor resposta

Olá Linda!
Geralmente este comportamento está relacionado a pensamentos disfuncionais adquiridos do processo de estruturação cognitiva, onde se formou crenças centrais disfuncionais em relação a esses eventos. Nestes casos, somente através da psicoterapia será possível descobrir a causa do problema, para então ser escolhido pelo profissional a melhor técnica para eliminá-los.

Waldir de Oliveira Psicólogo em Santo André

61 respostas

3616 pontuações positivas

Fazer terapia online

Contatar

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

Linda,
São fundamentais para a sobrevivência e quando não conseguimos obter carícias positivas podemos nos contentar até mesmo com as carícias negativas pois ainda é melhor receber algum tipo de reconhecimento do que ficar fadado à indiferença.
Esse comportamento é necessidade de carícias, quer chamar atenção de alguma forma, se não está conseguindo pelo bem, vai pelo mal mesmo. O que importa é RECEBER atenção, não importando se for negativa ou positiva. É como beber água poluída, pois a necessidade extrema faz com que desconsideremos as qualidades prejudiciais da mesma. Entende?
Seu filho busca atenção, pede socorro por alguma situação que está vivendo de sofrimento ou necessidade. Busca Carícias Negativas porque não sabe buscar as Carícias Positivas ou tentou e não recebeu socorro.
Procure orientação de um psicólogo na sua cidade. Com certeza poderão identificar a raiz desse comportamento e auxiliar em estratégias para mudança.
Fico à disposição para conversar,

Marci Kraft

Marci Kraft Psicólogo em Joinville

190 respostas

13029 pontuações positivas

Contatar

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

Boa tarde, Linda. Compreendo sua preocupação ao identificar um comportamento inadequado e socialmente indesejado em seu filho de 10 anos. Contudo, este comportamento isoladamente, acrescido da vaga informação de que ele é uma criança que dá trabalho desde os 3 anos de idade não constitui material suficiente para que categorizemos essa criança com um distúrbio de comportamento, que é um diagnóstico mais sério e mais pesado. Sua preocupação é bastante coerente e indica que você é uma mãe atenciosa e responsável por seu filho. Por isso, minha indicação seria que você buscasse ajuda de um profissional psicólogo, que possa avaliar mais de perto o que se passa exatamente com essa criança, pois esse comportamento difícil que pode parecer um desvio, às vezes pode ser indicativo de uma série de outras coisas. A partir da avaliação e acompanhamento de um psicólogo, caso a situação seja enunciativa de um quadro mais severo há o encaminhamento para o acompanhamento psiquiátrico, porém, em minha percepção, é importante dar à criança uma chance de se expressar de outras maneiras que não através da atuação (ou seja, através de comportamentos mal-adaptados, indesejados).

Renata Corbetta Tavares Psicólogo em Florianópolis

11 respostas

203 pontuações positivas

Contatar

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

No histórico de vida dele aparece que da trabalho desde os 3anos.
E parece que esse quadro está evoluindo para comportamentos mais graves.
Urgente avaliação psicológica porque esses comportemos transgressores necessitam de acompanhamento psicológico e psiquiátrico.

Paula Simielli Psicólogo em Catanduva

1 resposta

63 pontuações positivas

Contatar

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

O roubo pode ter diferentes causas, pode ser uma forma de expressar algum problema ou dificuldade que ele vive no momento.
Nestes casos o melhor é marcar uma consulta com psicólogo para poder avaliar e resolver o problema.
Atenciosamente,
Susana

Susana Rodriguez Iglesias Psicólogo em Balneário Camboriú

39 respostas

8673 pontuações positivas

Fazer terapia online

Contatar

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

É necessário realizar uma avaliação com o seu filho para ver o que tem causado esse desvio comportamental. Existe um fundamento e assim que descoberto poderemos atuar diretamente na causa que faz com que ele repense.
Trabalharemos também colocando atividades, onde ele consiga ver o valor que tem um trabalho honesto e apresentar novas opções para ganhar dinheiro.

Erika Ricci

Erika Ricci Psicólogo em São Caetano do Sul

13 respostas

666 pontuações positivas

Contatar

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

Costumo dizer que na relação mãe e filho não há culpa e sim responsabilidade! Pense em como o seu comportamento pode ter servido de modelo para ele de uma forma geral e de que qualquer mudança no comportamento dele vai ser fruto de uma mudança de condições e posturas no ambiente doméstico. O terapeuta vai trabalhar com a criança e com os pais.
Abraço!
Espero ter ajudado!

Thyago Henrique de Souza Vargas Psicólogo em Rio de Janeiro

27 respostas

811 pontuações positivas

Fazer terapia online

Contatar

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

Psicólogos especializados em Ludoterapia

Ver mais psicólogos especializados em Ludoterapia

Outras perguntas sobre Ludoterapia

Explique seu caso aos nossos psicólogos

Publique a sua pergunta de forma anônima e receba orientação psicológica em 48h.

50 Você precisa escrever mais 7700 caracteres

Sua pergunta e as respectivas respostas serão publicadas no site. Este serviço é gratuito e não substitui uma sessão de terapia.

Enviaremos a sua pergunta a especialistas no tema, que se oferecerão para acompanhar o seu caso pessoalmente.

A sessão de terapia não é grátis e o preço estará sujeito às tarifas do profissional.

A sessão de terapia não é grátis e o preço estará sujeito às tarifas do profissional.

Coloque um apelido para manter o seu anonimato

Sua pergunta está sendo revisada

Te avisaremos por e-mail quando for publicada

Esta pergunta já existe

Por favor, use o buscador para conferir as respostas

Psicólogos 10600

Psicólogos

perguntas 7700

perguntas

respostas 29000

respostas