Acesso consultório Cadastre grátis seu consultório

Como superar o medo de infartar?

Feita por >CEOLIN · 9 dez 2019 Fobia

A alguns meses tenho muita dificuldade em dormir... Peguei mania de ficar medindo pulsação para ver se coração ainda bate, tudo pra mim é infarto agora... Tô desesperado mesmo tendo nada.

Resposta enviada

Em breve, comprovaremos a sua resposta para publicá-la posteriormente

Algo falhou

Por favor, tente outra vez mais tarde.

A melhor resposta 11 DEZ 2019

Olá, Ceolin! Evidentemente você se mostra bastante preocupada, medo de infartar. Talvez você tenha tido algum episódio na vida que tenha desencadeado este comportamento recorrente de ficar medindo a pulsão cardíaca. Teriamos que analisar. Podemos compreender que você tenha pouca apropriação da sua finitude, e isso tenha sido incompreensível pra você. A finitude te paralisa Necessário seria uma escuta aprofundada que desvele o que está por trás desse medo. Espero que tenha auto-cuidado e um grande abraço.

Psicólogo Marcelo Meireles Psicólogo em São Luís

4 respostas

1 pontuações positivas

Contatar

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

10 DEZ 2019

Olá Ceolin
Está fazendo um erro técnico...
Em vez de focar teu objetivo de vida e se preocupar com este para realizá-lo e ser feliz, está se desviando dele, fugindo pela tangente e se preocupando coma funcionalidade do corpo.
Não se preocupe com o corpo, pois ele funciona bem, se focar no que deves fazer.
Alguma dificuldade está sentindo ou para realizar ou para descobrir qual é este projeto de vida.
Não pense racionalmente, escuta teu coração: O que gostaria de fazer?
Peça auxílio de um Psicoterapeuta.

Geime Rozanski Psicólogo em Brasília

659 respostas

353 pontuações positivas

Fazer terapia online

Contatar

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

10 DEZ 2019

bom dia Ceolin,

Você está condicionado , é como um toc.. procure ajuda de um psicólogo.
Vá a um médico faça todos os exames e procure acompanhamento psicológico
Maria da Conceição V.Gioia

Maria da Conceição Vasconcelos Gioia Psicólogo em Rio de Janeiro

467 respostas

8171 pontuações positivas

Fazer terapia online

Contatar

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

10 DEZ 2019

Olá.
O primeiro passo é ir ao médico e investigar se essa possibilidade é real para você, pensar seu modo de vida e tentar compreender esse temor. Se você já foi ao médico, se sua saúde está em dia e não há razão para se preocupar com o infarto, devemos pensar na possibilidade de você estar desenvolvendo algum tipo de adoecimento mental. A frequente sensação de estar prestes a ter um infarto, a idéia persistente de estar adoecendo gravemente mesmo sem sintomas significativos, dentre outros, são indícios de determinados sofrimentos mentais que precisam ser tratados. Procure um médico e um psicólogo para investigar sua situação. O acompanhamento psicológico se faz necessário em seu caso. Grande abraço.

Repensar Consultório de Psicologia Psicólogo em Ipatinga

38 respostas

19 pontuações positivas

Fazer terapia online

Contatar

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

10 DEZ 2019

Olá! Ceolin, grato por participar. O que o médico disse? Quais os acontecimentos, fatos históricos ou sinais que indicam que você deve ter um infarto? Você está cima do peso? Há frequência familiar desse adoecimento? Alimenta-se errado? Leva vida abusiva? Não temos como garantir que alguém poderá experimentar uma vivência de adoecimento desse tipo, com precisão, assim como não temos como prever também coisas boas. O que sabemos é que com algumas medidas com a intenção de caminhar para algo bom e evitar algo ruim, podem ser tomadas: Alimentação saudável, atividade física, rotina de vida saudável, relações sociais com pessoas de vida saudável, etc. Algumas pessoas fixam em sua mente a ideia de que vão ter uma doença grave. Às vezes refletem, com isso, a sensação de culpa por levarem vida desregrada, outras vezes, por acharem que não são merecedores de vida boa. Será importante investigar isso com a ajuda de um psicólogo. Um abraço: Ary Donizete Machado.

Ary Donizete Machado Psicólogo em Limeira

1328 respostas

648 pontuações positivas

Fazer terapia online

Contatar

A resposta foi útil a você?

Obrigado pela sua avaliação!

Psicólogos especializados em Fobia

Ver mais psicólogos especializados em Fobia

Outras perguntas sobre Fobia

Explique seu caso aos nossos psicólogos

Publique a sua pergunta de forma anônima e receba orientação psicológica em 48h.

50 Você precisa escrever mais 8700 caracteres

Sua pergunta e as respectivas respostas serão publicadas no site. Este serviço é gratuito e não substitui uma sessão de terapia.

Enviaremos a sua pergunta a especialistas no tema, que se oferecerão para acompanhar o seu caso pessoalmente.

A sessão de terapia não é grátis e o preço estará sujeito às tarifas do profissional.

A sessão de terapia não é grátis e o preço estará sujeito às tarifas do profissional.

Coloque um apelido para manter o seu anonimato

Sua pergunta está sendo revisada

Te avisaremos por e-mail quando for publicada

Esta pergunta já existe

Por favor, use o buscador para conferir as respostas

Psicólogos 10750

Psicólogos

perguntas 8700

perguntas

respostas 30200

respostas