Você é uma pessoa altamente sensível (PAS)?

<strong>Artigo revisado</strong> pelo

Artigo revisado pelo Comitê de MundoPsicologos

Nem todos já ouviram falar das Pessoas Altamente Sensíveis. Neste artigo tratamos de discorrer sobre suas principais características, além das vantagens e inconvenientes de ser assim.

21 Jun 2019 · Leitura: min.
Você é uma pessoa altamente sensível (PAS)?

Por definição, as Pessoas Altamente Sensíveis (PAS) são aquelas que têm a capacidade de captar pequenos detalhes e matizes de tudo aquilo que as rodeia. São pessoas delicadas e hipersensíveis, que demonstram ter um grau de compromisso extremamente alto com todas as coisas que realizam.

É justamente por isso que, algumas vezes, precisam se desconectar e se isolar. Elas se sentem confortáveis com os momentos pontuais de solidão, pois é a forma mais direta de acabar com os estimulos que afetam sua rotina de forma tão profunda.

Seria este o seu caso? Faça o teste e descubra o seu nível de sensibilidade:

PAS não significa chorar o tempo todoAs PAS estão habituadas a escutar comentários como: "nossa, você é sensível demais", "não é para tanto". Costumam ser afetadas não somente por aquilo que acontece no seu entorno personal mais direto, mas por tudo aquilo que ocorre no mundo. Qualque coisa que acontece serve para despertar uma reação mais "exagerada" nas Pessoas Altamente Sensíveis, o que muitas vezes as converte em algo de críticas e incompreensão.

Um exemplo simples seriam aquelas pessoas que se emocionam e choram vendo notícias no jornal da TV, ou que vivenciam filmes como se fossem os próprios protagonistas. Não são raros os casos em que se sintam fortemente incomodadas por ruídos repetitivos, como escutar alguém mastigar ou tossir.

Porém, apesar da hipersensibilidade, uma Pessoa Altamente Sensível não chora descontroladamente, como se fosse incpaz de regular suas emoções. Alíás, é exatamente o oposto. Aquele que se encaixa nesse perfil tem a habilidade de sentir as emoções sem culpa ou complexos, e aprendeu a exercitar de forma eficiente seu autocontrole, muitas vezes em resposta às pressões sociais.

Quais as principais características das PAS?

  • São pessoas empáticas e com muita intuição. São capazes de escutar os demais e viver o que está sendo contado como se fossem protagonistas da história. Se colocam no lugar do outro e entendem seus argumentos, dando conselhos que podem ser aplicados à realidade do outro, e não simplesmente passados pelo prisma de opinião alheia. Além disso, são pessoas detalhistas. São os primeiros a perceber que alguém cortou o cabelo, trocou os óculos, está usando um brinco diferente, etc. Também percebem estados emocionais que o outro trata de dissimular.
  • São pessoas analíticas e com grande capacidade de processamento de informação. Isso não quer dizer que são incostantes, ou mudam de ideia o tempo todo, mas que sabem dissecar um assunto para chegar às conclusões mais acertadas.
  • São pessoas com um amplo leque emocional, que sabe como lidar com os sentimentos e são capazes de manter equilíbrio entre razão e emoção. Quando se expressam, costumam usar frases do tipo "sinto que" no lugar de "penso que". Não tentam ocultar as emoções, como acontece com a maioria das pessoas. Uma PAS, na verdade, desfruta de todas elas.
  • São pessoas capazes de apreciar a solidão, sem sentir aplastadas por esse sentimento. Desfrutam da sua própria companhia e não necessitam preencher todas as horas do dia para estar fazendo alguma coisa com alguém. Ainda assim, são pessoas com grande capacidade para trabalhar em equipe.
  • São pessoas que se sentem incomodadas pela superestimulação. Preferem ambientes mais tranquilos e com poucos estímulos, para poder desfrutar sem se sentir esgotadas. Preferem um encontro com poucos amigos que grandes eventos sociais, repletos de gente.

Por que podemos considerar as PAS como afortunadas?

  • Tem mais capacidade para enfrentar seus próprios problemas
  • Consideram e compreendem suas próprias necessidades, o que concende um equilíbrio emocional invejável
  • Expressam sua sensibilidade de forma clara e sem criar constrangimentos nos demais
  • São mais autoconfiantes e têm a autoestima mais alta
  • Fazem um uso correto da empatia
  • Ajudam os demais sem comprometer seu próprio bem-estar emocional
  • Trabalham bem em equipo e não têm problemas para priorizar a si mesmos, sempre que necessário
  • Mantém relacionamentos duradouros e de qualidade, baseados em respeito e compreensão
  • São capazes de frear pensamentos obsessivos

Porém, nem tudo são flores...

Um dos aspectos notadamente negativos de ser um PAS é o fato de serem incompreendidos e taxados de "estranhos" por grande parte das pessoas do seu entorno. Muitas vezes, são considerados pessoas frágeis em excesso, vulneráveis, com pouca estabilidade, o que pode ser uma grande fonte de frustração, especialmente em cenários competitivos e exigentes como pode ser o mundo laboral.

Enquanto a sociedade como um todo não se conscientiza de quais são as reais características de uma PAS e deixe de julgar o que não compreende, é importante que todos aqueles que se encaixam neste perfil sigam trabalhando seu autoconhecimento e bem-estar emocional, recorrendo à ajuda de um psicólogo, se for preciso.

Por Encarni Muñoz Silva, psicóloga cadastrada no MundoPsicologos.com

psicólogos
Escrito por

Encarni Muñoz Silva

Deixe seu comentário
Comentários 1
  • Thaísa Cândido

    Nossa! Muito bom! Me identifiquei bastante!