MundoPsicologos.com
No Google Play Na App Store

Sintomatologia de uma doença e a tentativa natural de cura

A totalidade da psique funciona de forma integrativa, buscando ajustar os conteúdos do inconsciente à consciência.

18 Abr 2017 Problemas psicológicos - Leitura: min.

Salvador (Bahia) Bahia

17 Recomendações

Os sinais e sintomas do processo de adoecimento fisico, quando não associado a causa orgâncica, e adoecimento psiquico, muitas vezes é um alerta e um pedido de socorro do inconsciente para o ajustamento dos seus conteúdos não elaborados.

A expressão do nosso comportamento está referenciado em conteúdos de processos volitivos e processos instintivos. Os primeiros são definidos como impulsos dirigidos, resultantes de processos aperceptivos cuja natureza fica à disposição do chamado livre-arbítrio. Os segundos são impulsos que se originam no inconsciente ou diretamente no corpo e se caracterizam pela ausência de liberdade ou pela compulsiviade. Segundo Carl Gustav Jung, muitas vezes nossas intenções e ações conscientes são frustradas por processos inconscientes, cuja existencia é verdadeira surpresa para nós mesmos. É nesse ponto que me detenho para explorar os aspectos da sintomatologia das doenças psicofísicas sem causa orgânica identificada.

O surfimento de sinais e sintomas no corpo, tais como dores físicas sem causa orgânica idenfiicada, como dores de cabeça, dores no peito, palpitações, dores nas pernas, calcanhar, "bolo" na gargantan, etc., são em sua maioria expressões de conteúdos inconscientes não elaborados e expressos através de símbolos que diz respeito a algo do sujeito que necessita ser integrado a sua psique. É sobretudo nos estados patológicos que podemos encontrar a atividade psiquica inconsciente em sua explosão.

De acordo com a Psicologia Analítica Junguiana, os conteúdos da consciência podem, ocasionalemente, ser também inconscientes e atuar sobre a consciência como processos inconscientes. A psique, em sua constituição, apresenta três niveis de atividade psiquica: a consciência, o inconsciente pessoal e o inconsciente coletivo. O processo analítico de psicoterapia muitas vezes inicia-se através dos conteúdos da consciência. Dúvidas sobre o que fazer, quais decisões tomar, etc., chegam ao consultório pela via incial da consciência. Entretanto, nem sempre o caminho apenas da consciência conduz ao processo de autoconhecimento, pois os nossos comportamentos são direcionados tanto por conteúdos e experiências conscientes quanto por conteúdos e experiências inconscientes. O papel da psicoterapia é justamente indenfificar o direcionamento de alma do paciente e trazê-lo para o presente, buscando o ajustamento de vida necessário à constituição, cura, desenvolvimento e evolução do paciente.

Todos os sinais e sintomas que o nosso corpo produz é uma tentativa natural de cura. Precisamos direcionar nossa alma para escolhas integrativas do Ser, pois só através da integração a psique se harmonizará com sua real essência. É preciso, pois, estabelecer um processo de comunicação que favoreça o diálogo entre a psique consciente, o inconsciente pessoal e o inconsciente coletivo.

0 Curtir

Deixe seu comentário

INFORMAÇÃO BÁSICA SOBRE PROTEÇÃO DE DADOS
Responsável: Verticales Intercom, S.L.
Finalidades:
a) Envio de solicitação ao cliente anunciante.
b) Atividades de publicidade e prospecção comercial, por diferentes meios e canais de comunicação, de produtos e serviços próprios.
c) Atividades de publicidade e prospecção comercial, por diferentes meios e canais de comunicação, de produtos e serviços de terceiros de diferentes setores de atividade, podendo implicar repasse dos dados pessoais a esses terceiros.
d) Segmentação e elaboração de perfis para fins publicitários e para prospecção comercial.
e) Gestão dos serviços e aplicativos oferecidos pelo Site ao Usuário.
Legitimação: Consentimento do interessado.
Destinatários: Está previsto o repasse dos dados aos clientes anunciantes para atender suas solicitações de informação sobre os serviços anunciados.
Direitos: Tem o direito a acessar, retificar e eliminar os dados ou se opor ao tratamento dos mesmos ou a alguma das finalidades, bem como outros direitos, como se explica na informação adicional.
Informação adicional: É possível consultar a informação adicional e detalhada sobre Proteção de Dados em br.mundopsicologos.com/proteccion_datos

Você não pode deixar de ler...