MundoPsicologos.com
No Google Play Na App Store

Personalidade antissocial: saiba mais sobre o transtorno

O antissocial não é explosivo ou encrenqueiro. Ele vive sua vida tratando de alcançar o que quer, aqui e agora, sem se preocupar com o futuro e sem qualquer arrependimento. Saiba mais aqui!

29 Ago 2017 O psicólogo esclarece - Leitura: min.

São Paulo (cidade) São Paulo

11 Recomendações

nsideradas pessoas explosivas e encrenqueiras, quem sofre do transtorno de personalidade antissocial pode impactar severamente sua vida e a das pessoas ao seu redor, seja por seus comportamentos agressivos e impulsivos, ou pelas implicações legais dos seus atos.

Antes de se manter acompanhado de pessoas que você considera simplesmente o gênio difícil, conheça as principais características do transtorno de personalidade antissocial. Quem as comenta é a psicóloga Maitê Hammoud.

1) Fracasso ao ajustar-se às normas sociais e comportamentos legais

Violar leis ou o espaço do outro não é problema para o antissocial. Sua crítica está preservada, conseguindo discernir o certo do errado. Compreende as consequências que seus atos podem levar, mas nenhuma é capaz de impedi-lo.

Pessoas que sofrem desse transtorno de personalidade baseiam suas atitudes em ganhos e prazer social, sem que para isso sejam levados em considerações valores morais ou legais. Visto como mau-caráter, o antissocial pode roubar, planejar, falsificar e, até mesmo, estruturar ações com objetivo de prejudicar alguém que considere uma ameaça, sem sentir-se culpado.

Por esta razão, os antissociais frequentemente possuem históricos de detenção e expulsão no âmbito escolar, ou débitos com a justiça.

2) Irritabilidade

Pessoas que sofrem desse transtorno são propensas à irritação, respondendo com comportamentos de agressividade, sejam verbais ou físicas. Fique alerta sobre aquele alguém que coleciona histórias de brigas no bar, no trânsito, campeonatos, entre outros.

shutterstock-748189429.jpg

3) Descaso por segurança

Preocupações em geral não costumam estar presentes na mente do antissocial. Levar em consideração questões de segurança, seja sobre a sua própria ou a de quem o acompanha, não faz parte do funcionamento dos antissociais.

A periculosidade é constante, podendo acarretar complicações legais, acidentes devido à direção em alta velocidade, furtos ou reações agressivas em situações de risco, como assaltos à mão armada.

4) Impulsividade e irresponsabilidade

Regido de maneira primitiva por seus prazeres e desejos pessoais, o antissocial demonstra-se é imediatista, tendo comportamentos impulsivos e irresponsáveis. Tudo se trata do aqui e agora.

Pensar a longo prazo, fazendo planos para o futuro, não cabe nos pensamentos e ações dele. Por essa razão, costumam abandonar empregos ou relacionamentos subitamente, ou contrair grandes dívidas financeiras sem se preocupar com o pagamento.

5) Ausência de remorso

shutterstock-89822449.jpg

Essa característica costuma ser a mais enigmática, e entristece aqueles que estão ao seu redor. Sem razões cientificamente comprovadas, quem sofre do transtorno de personalidade antissocial está livre do sentimento de remorso, não demonstrando qualquer esboço de culpa ou arrependimento em relação à dor ou aos danos provocados nos outros.

Tratamento para o transtorno de personalidade antissocial

Pessoas que sofrem do transtorno de personalidade antissocial demonstram os primeiros traços desde a infância ou adolescência, através de problemas na conduta, seja violando regras, fazendo trapaças, falsificações de documentos na escola, pequenos furtos, entre outros.

Por não sentirem culpa por seus atos, dificilmente procuram apoio psicológico. A busca por apoio na saúde mental costuma estar vinculada a ordens judiciais.

O curso do transtorno é crônico, mas há alguma estabilização ao longo do tempo. Mesmo sem desejo próprio, o acompanhamento psiquiátrico e psicológico é necessário para que exista suporte no controle de impulsos e prevenção de sintomas depressivos, abuso de substâncias ou outros transtornos, como dependência de jogos de azar ou sexo.

Leia mais: Personalidade histriônica: saiba mais sobre o transtorno

Leia mais: Personalidade borderline: saiba mais sobre o transtorno

Leia mais: Personalidade dependente: saiba mais sobre o transtorno

Leia mais: Personalidade evitativa: saiba mais sobre o transtorno

Leia mais: Personalidade paranoide, esquizoide ou esquizotípica: saiba mais

Leia mais: Personalidade narcisista: saiba mais sobre o transtorno

Leia mais: Personalidade obsessivo-compulsiva: saiba mais sobre o transtorno

Fotos: por MundoPsicologos.com

0 Curtir

Deixe seu comentário

INFORMAÇÃO BÁSICA SOBRE PROTEÇÃO DE DADOS
Responsável: Verticales Intercom, S.L.
Finalidades:
a) Envio de solicitação ao cliente anunciante.
b) Atividades de publicidade e prospecção comercial, por diferentes meios e canais de comunicação, de produtos e serviços próprios.
c) Atividades de publicidade e prospecção comercial, por diferentes meios e canais de comunicação, de produtos e serviços de terceiros de diferentes setores de atividade, podendo implicar repasse dos dados pessoais a esses terceiros.
d) Segmentação e elaboração de perfis para fins publicitários e para prospecção comercial.
e) Gestão dos serviços e aplicativos oferecidos pelo Site ao Usuário.
Legitimação: Consentimento do interessado.
Destinatários: Está previsto o repasse dos dados aos clientes anunciantes para atender suas solicitações de informação sobre os serviços anunciados.
Direitos: Tem o direito a acessar, retificar e eliminar os dados ou se opor ao tratamento dos mesmos ou a alguma das finalidades, bem como outros direitos, como se explica na informação adicional.
Informação adicional: É possível consultar a informação adicional e detalhada sobre Proteção de Dados em br.mundopsicologos.com/proteccion_datos

Você não pode deixar de ler...