Acesso consultório Cadastre grátis seu consultório

7 dicas para acabar bem um dia que começou mal

<strong>Artigo revisado</strong> pelo

Artigo revisado pelo Comitê de MundoPsicologos

Se você está com aquela sensação de que acordou com o pé esquerdo, se sente que nada está saindo conforme o imaginado, atenção: ainda é possível acabar bem o dia. Descubra como a seguir.

18 SET 2018 · Leitura: min.
7 dicas para acabar bem um dia que começou mal

Por mais que se queira evitar, há dias em que é simplesmente impossível não ter a sensação de que sair da cama foi um erro. Tudo parece estar ocorrendo fora das expectativas, numa espécie de tragédia anunciada.

Parece familiar? Não se desespere! Com uma dose extra de pensamento positivo e algumas mudanças de postura é possível terminar o dia melhor do que começou. Compartilhamos com você 7 dicas práticas, que vão fazer dessa missão algo totalmente possível. Anote aí!

1) Não deixe que os outros interfiram no seu humor

Quando algo no entorno te irrita profundamente, mantenha a calma e lembre-se: independente do que aconteça, a decisão de reagir de uma forma ou de outra é exclusivamente sua. Você vai se sentir mais livre quando começar a exercer controle sobre suas emoções. Se possível, restrinja sua exposição a estes estímulos preservando a estabilidade do seu humor. 

2) Lembre-se que ninguém é perfeito

Você errou e está sofrendo por isso? É importante sempre lembrar que a perfeição é um ideal inalcançável e que todas as pessoas se equivocam. O mais importante é tentar corrigir o erro, sempre que possível; se não der, admita que o controle não está nas suas mãos. E use desta experiência para tomadas de decisões diferentes a longo prazo. Errar faz parte de qualquer processo de aprendizagem.

3) Exercite diferentes perspectivas

Muitas vezes, estar absolutamente convencido de algo dá margem a más interpretações: críticas no trabalho, confrontos em casa, discussão com um amigo, tudo ganha uma dimensão muito maior do que a real. Por mais convencido que você esteja da sua opinião, tente analisar a situação por uma perspectiva diferente da sua. POde ser revelador e um grande aprendizagem.

shutterstock-130937636.jpg

4) Deixe de se preocupar com a opinião que os demais têm de você

Esperar que os outros vejam sempre seus pontos positivos e que tenham uma boa opinião de você pode se transformar em uma obsessão, já que não existe alguém capaz de agradar a todos o tempo todo. Controle a opinião que você tem de si mesmo. O resto, é incumbência dos demais. E a base para as suas experiências no dia a dia é a sua autoestima, a satisfação que possui consigo mesmo. 

5) Seja fiel a você mesmo

Você precisa ter coragem para viver a vida que você deseja e merece, tomar o controle da sua rotina e enfrentar todos os desafios e problemas que isso pode supor. É a única forma de poder desfrutar de todos os êxitos. O medo é uma resposta natural do nosso corpo, mas a segurança de agir diante de seus medos e ausència de garantias é que definem a satisfação que você terá em viver e tudo o que envolva suas escolhas. 

6) Deixe de pensar no que pode dar errado

Estar preparado para lidar com as adversidades é importante, mas dedicar tempo e energia em pensar em tudo o que pode dar errado pode ser um lastre. A atitude positiva é um excelente combustível, já que quase tudo tem solução. Lembre-se: é natural pensar nas possibilidades e margens de erro, mas dentro da perspectiva de se olhar dentro de sua totalidade, é possível considerar acertos e margens de sucesso, tornando qualquer situação menos assustadora. 

7) Seja persistente

Todos deveríamos ter propósitos de vida, grandes ou pequenos. É o que nos faz avançar e se melhores. Por isso, se há algo que você deseja e no qual investiu energia e dedicação, não desista, mas também não fique obcecado. O caminho mais adequado costuma ser o equilíbrio.

Todas as pessoas podem avançar em seu crescimento pessoal com pequenas mudanças de comportamento. Colocá-las em prática pode ser difícil no princípio, porque significa romper a inércia e aprender a encarar as situações de uma forma diferente. Exercitar esse tipo de mudança, entretanto, traz incontáveis benefícios para a sua saúde emocional. Não deixe de tentar!

Estas pequenas reflexões podem se tornar decisivas em menores ou maiores escolhas em seu cotidiano, possibilitando um desfecho diferente para um dia que começou com o "pé esquerdo". 

Fotos: MundoPsicologos.com

psicólogos
Linkedin
Escrito por

MundoPsicologos.com

Deixe seu comentário

últimos artigos sobre desenvolvimento pessoal