Traição compulsiva

Feita por >Clarice>. 15 Jul 2014 12 respostas

Olá. Tenho sete anos de casada, um filho de três anos e descobri recentemente que meu marido me trai compulsivamente desde nosso segundo ano de casados. Ele afirma que não consegue se controlar e quer ajuda. Queremos continuar casados, mas sentimos necessidade de uma intervenção profissional. Seria recomendável que ele faça terapia individual, de casal ou ambas? Obrigada.

Assuntos relacionados

12 respostas

  • A melhor resposta

    Acredito que seria interessante inicialmente algumas sessões individuais e posteriormente te chamaria. Qualquer dúvida, entre em contato.

    Upload feito em 24 Julho 2014

    Logo Michelle Valois Sarmento

    2 respostas

    18 pontuações positivas

Explique seu caso à nossa comunidade de psicólogos!

Qual é a sua dúvida? Psicólogos especializados no assunto respondem à sua pergunta
Verifique se há perguntas similares já respondidas:
    • Escreva de forma correta: evite erros de ortografia e não redija tudo em maiúsculas
    • Expresse-se de forma clara: use uma linguagem direta e com exemplos concretos
    • Seja respeitoso:não use vocabulário inadequado e mantenha as boas maneiras
    • Evite SPAM: não coloque informação pessoal (telefone, e-mail, etc.) nem publicidade

    Se o que você deseja é pedir informação como cliente, clique aqui
    Como você deseja enviar sua pergunta?
    Excluir
    Nome (será publicado)
    E-mail em que receberá as respostas
    Para que possam atender-lhe por telefone
    Para escolher expertos da sua região
    Para escolher aos expertos mais adequados
    • 6100 psicólogos à sua disposição
    • 2050 perguntas feitas
    • 14450 respostas dadas
    • Olá Clarice!
      Primeiro a terapia deve começar com o seu marido e posteriormente com ambos.
      Abraços!

      Upload feito em 02 Setembro 2014

      Logo Aline Medeiros
      Aline Medeiros Florianópolis

      49 respostas

      2303 pontuações positivas

    • Começar a terapia individualmente e depois com o casal.

      Upload feito em 02 Setembro 2014

      Logo Consultório de Psicologia Angela Cavalcante

      1 resposta

      3 pontuações positivas

    • Olá Clarice! A terapia de casal neste caso seria interessante. Porém, sugiro que inicialmente cada um faça a terapia individualmente. É importante para o terapeuta conhecer a singularidade de cada um e sentir o momento ideal de intervir no casal.
      Vejo como positiva a aceitação de seu marido sobre a compulsão e o desejo dele e seu em fortalecer a relação.
      A terapia de casal é favorável quando os dois se implicam no mesmo objetivo. Essa é a premissa. Descubram qual o objetivo e tracem uma trajetória com o auxílio de um facilitador mediador: o psicólogo!
      Abraços,
      Katia

      Upload feito em 21 Julho 2014

      Logo Psicóloga Katia Mafra

      30 respostas

      2370 pontuações positivas

    • Olá Clarice. Duas questões distintas merecem atenção, o impacto da descoberta das traições na relação de vocês e a falta de controle de seu companheiro. Procurem inicialmente enquanto casal e a partir desse primeiro contato, se houver necessidade, ele será encaminhado para a psicoterapia individual. Espero ter esclarecido sua dúvida. Abraços
      Maier Augusto dos Santos

      Upload feito em 18 Julho 2014

      Logo Conhecer e Agir

      10 respostas

      1777 pontuações positivas

    • Olá Clarice, não existe o certo ou o errado. Nesse caso, iria preferir que ambos viessem no primeiro atendimento para inicialmente levantar as expectativas e objetivos do casal. Depois faria atendimentos individuais com ambos, porém, também é de suma importância atendimentos com os dois. Caso queira marcar uma consulta ou tenha alguma dúvida, estou à disposição.

      Upload feito em 17 Julho 2014

      Logo Juliana Ribeiro Arantes

      2 respostas

      11 pontuações positivas

    • Olá, bom dia,
      De preferência, procure terapia de casal para uma avaliação sobre o relacionamento do casal. A terapia deverá ajudar ambos. Traição em qualquer tipo de relacionamento, seja de casal, amizade ou trabalho, é algo grave que deve ser olhado com muita atenção. Não deixe passar muito tempo e que seu marido esteja disposto a mudar e procurar ajuda, para que possa manter seu casamento saudável.
      Abrço, Jorgete Onohara

      Upload feito em 17 Julho 2014

      Logo Psicóloga Jorgete Onohara
      Psicóloga Jorgete Onohara Joinville

      32 respostas

      1079 pontuações positivas

    • Clarice, inicialmente seria bom começar pelo casal para vocês reequilibrarem minimamente a relação conjugal. Se for necessário, o psicoterapeuta faz o encaminhamento para a terapia individual.

      Upload feito em 17 Julho 2014

      Logo Psicóloga Maria Zelinda Machado

      7 respostas

      94 pontuações positivas

    • Olá Clarice. Enquanto psicodramatista, aceito que tanto o desenvolver saudável, quanto o adoecimento de qualquer pessoa se dá nas relações. A traição conjugal é uma situação séria e de extremo desconforto, para ambos. Uma vez que a situação foi identificada e posta às claras, bem como houve uma decisão conjunta de manter o casamento, é indicado que o acompanhamento profissional seja feito tanto a nível individual (acredito que os dois precisam, cada um por seu motivo, de auxílio individual), como em nível de casal: é extremamente indicado, para que a reconstrução da relação seja a mais saudável possível. É ainda interessante notar que é melhor buscar profissionais diferentes para cada um dos acompanhamentos. Espero ter sanado suas dúvidas.

      Upload feito em 17 Julho 2014

      Logo Psicólogo João Suzart

      5 respostas

      699 pontuações positivas

    • Olá, Clarice. Eu recomendaria terapia individual para ambos, desde que o seu marido faça o movimento dele próprio ir atrás de ajuda. Como é você que manifesta o incômodo, sugiro que você comece a terapia, independente dele, para você poder se olhar e pensar o que é melhor para você.

      Upload feito em 17 Julho 2014

      Logo Psicóloga Karina Simão

      3 respostas

      16 pontuações positivas

    • Boa noite Clarice!

      De imediato, não dá pra responder se é necessária uma terapia de casal ou individual.
      É necessário uma avaliação, uma primeira consulta.

      Abraços,

      Marcia Eliane
      Psicóloga Clínica e Especialista em Sexualidade Humana

      Upload feito em 17 Julho 2014

      Logo Marcia Eliane
      Marcia Eliane São José dos Campos

      11 respostas

      2561 pontuações positivas

    • Olá Clarice,

      Relações interpessoais são complexas e, às vezes, para o casal superar uma traição e seguir em frente é difícil.
      No caso do seu esposo, seria interessante que no primeiro momento ele fizesse uma psicoterapia individual para entender os motivos dessas excessivas traições.
      A psicoterapia o ajudará nessa demanda e olhar para o relacionamento, se assim ele quiser, de uma forma mais significativa.
      É de grande valia quando o paciente procura ajuda.

      Atenciosamente,
      Carla de P.Gonçalves
      Psicóloga

      Upload feito em 16 Julho 2014

      Logo Psicóloga Carla De Paula Gonçalves

      2 respostas

      5 pontuações positivas